Publicidade
Esfriou

Temperatura despenca 17 graus em 24 horas em Curitiba

Frio em Curitiba: hora de tirar o agasalho do armário
Frio em Curitiba: hora de tirar o agasalho do armário (Foto: Franklin de Freitas)

Após um final de semana com calor e temperatura máxima de 27ºC, registrada no domingo (18) por volta das 15 horas, o frio chegou e com força em Curitiba. Nesta segunda-feira (19) os termômetros da cidade já apontaram temperatura máxima de apenas 13,5ºC, ainda no início da madrugada. Durante a tarde, a máxima foi de apenas 9,8ºC. E nos próximos dias o frio deve persistir, segundo previsão do Sistema Meteorológico do Paraná (Simepar).

Para esta terça-feira (20), por exemplo, a previsão é de ainda mais frio que na segunda-feira. Enquanto a temperatura máxima deve ser a mesma (próximo dos 13ºC), a temperatura mínima será ainda menor: 8ºC, marca que deve ser registrada durante a madrugada e persistir até o início da manhã, por volta de 10 horas.

Segundo o Simepar, o esfriamento da cidade acontece por conta da chegada de uma frente fria, que oscila entre o Mato Grosso do Sul, Paraná e se estende até o Oceano, aliado ao céu encoberto e chuvas ocasionais, que também acabam por facilitar o rebaixamento da temperatura na cidade.

Até o próximo domingo, a temperatura na cidade deve variar entre a máxima de 18ºC e a mínima de 8ºC. Já para a outra semana, estão previstas temperaturas máximas acima de 20ºC em todos os dias, com mínima variando entre 11 e 18ºC. Ou seja, de uma semana de inverno (a presente) passaremos para uma semana de verão (a próxima), se não houverem alterações mais significativas na condição atmosférica até lá.

Chuva ‘volta’ após um mês e meio
A boa notícia de ontem para os paranaense foi que, após várias semanas sem chuva significativa, ontem voltou a chover de forma expressiva desde a região centro sul até as praias do Paraná. Desde o dia 26 de junho de 2019, com registro de 29,8 milímetros, não chovia de forma mais expressiva como ontem, com registro de aproximadamente 18 mm de chuva.

Segundo o Simepar, o retorno das chuvas é importante porque a qualidade do ar melhora muito,além de se diminuir o risco para a ocorreência de incêndios ambientais. Só neste ano o Corpo de Bombeiros já atendeu 7.978 ocorrências desse tipo, sendo que 4.976 desses incêndios (62,4% do total) foram registradas desde o início do inverno, em 21 de junho.

FAS reforça resgate de pessoas nas ruas
Por conta da queda de temperatura ontem, a Fundação de Ação Social (FAS) reforçou os serviços de abordagem e de acolhimento de pessoas em situação de rua em Curitiba. A medida faz parte da “Ação Inverno - Curitiba que acolhe” e tem o objetivo de proteger a população de rua do frio intenso. Como acontece anualmente, o reforço é feito todas as noites em que a temperatura for igual ou menor a 9ºC.

A FAS ainda orienta os cidadãos a telefoneraem e comunicarem sempre que virem alguém em situação de ruia. Basta ligar para o 156 e informar o endereço para que uma equipe possa se deslocar até o local.

A Prefeitura oferta até 1.200 vagas de acolhimento. Nos abrigos, além de camas para dormir e acesso a banho quente, os acolhidos recebem agasalhos e alimentação, na chegada e na saída, no início da manhã. Todos têm direito a levar pertences em bolsas ou mochilas. Aqueles que têm animais de estimação são abrigados nas casas de passagem Jardim Botânico e Bairro Novo, que têm canis e alimentação.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES