Copel

Temporais deixaram 500 mil casas sem energia elétrica no Paraná. Copel diz que tudo já foi normalizado

Diversas equipes de eletricistas da Copel trabalham intensamente há mais de uma semana para reestabelecer a energia elétrica na região de Maringá, assim como em todas as demais localidades afetadas pelos recentes temporais. Em todo o Paraná, 500 mil unidades consumidoras ficaram sem energia em algum momento.

Nos dias 13, 17 e, especialmente em18 de outubro, Maringá e região foram atingidas por fortes temporais, acompanhados de ventos de até 110 km/h e raios. Segundo a Defesa Civil do município, este foi o pior temporal visto nos últimos anos, com queda de cerca de 200 árvores.

Somente no dia 18, cerca de 170 mil consumidores ficaram sem luz, alternadamente, na região Noroeste do Estado, a mais afetada, principalmente em função das árvores que caíram sobre a rede de energia. As equipes de eletricistas locais trabalharam sem interrupção desde o início das ocorrências. A Copel também deslocou mais 20 equipes de todas as partes do Paraná para recompor as redes danificadas.

Em Maringá, a companhia continua o trabalho para religar 900 unidades consumidoras ainda sem energia. Apenas na cidade foram 59 postes quebrados, 90% deles atingidos por árvores - 95% já foram consertados. Cada troca leva três horas, em média, em condições climáticas adequadas, e mais de quatro horas quando se há cabos rompidos e árvores sobre a rede.

INTENSIFICAÇÃO - Ao todo, 262 equipes da Copel estiveram em campo até este domingo para religar a energia dos consumidores, 90 delas atuando só na região Noroeste. O número de equipes trabalhando no município dobrou em comparação aos períodos normais.

Além do trabalho de campo, a companhia fez todos os esforços possíveis para manter a população informada. Todos os veículos de comunicação foram alimentados com informações periódicas. As redes sociais da Copel também trazem informações e os responsáveis técnicos deram entrevistas explicando a situação e como está sendo o trabalho de recomposição da rede de energia.

“Nossos profissionais não poupam esforços para garantir o fornecimento de energia elétrica. Além disso, a companhia preza pela transparência e, por isso, mantém seus consumidores e todos os demais públicos pertinentes informados. No mais, agradecemos o apoio e compreensão da população do Paraná”, diz o presidente da Copel, Jonel Iurk.

Recuperação

A Copel concluiu no início da tarde desta segunda-feira (22) os trabalhos de recuperação dos danos sobre a rede elétrica decorrentes dos temporais da última semana em todo o Estado. Após trabalho ininterrupto dos eletricistas da Copel desde a noite de quarta-feira (17), todas as redes de energia afetadas pela queda de árvores e descargas elétricas estão recompostas.

A cidade de Maringá já está totalmente religada. A rede elétrica da região foi a mais afetada em consequência de temporais nos dias 13, 17 e 18. Agravaram a normalização do fornecimento de energia à região a grande concentração de raios e a ocorrência de ventos de até 110 km/h, que provocaram a queda de pelo menos 200 árvores, além da quebra de postes e o rompimento de cabos nas redes de baixa, média e alta tensão.