Copa do Brasil

Time de R$ 360 milhões do Athletico desafia o elenco mais valioso do Brasil

Athletico em busca da vaga na final
Athletico em busca da vaga na final (Foto: Franklin de Freitas)

Athletico Paranaense e Flamengo decidem nesta quarta-feira (dia 27) uma vaga na final da Copa do Brasil. A partida de volta da semifinal está marcada para 21h30, no Maracanã. No jogo de ida, na Arena da Baixada, na semana passada, os dois times empataram em 2 a 2. O gol como visitante não é critério de desempate. Com isso, quem vencer nos 90 minutos fica com a vaga. Em caso de novo empate, a decisão será nos pênaltis.

O desafio do Furacão é eliminar o elenco mais valioso do Brasil. Segundo o site alemão Transfermarkt.de, o grupo de 32 jogadores do Flamengo está avaliado em 148,6 milhões de euros (cerca de R$ 960 milhões). Nesse ranking, o time carioca supera o Palmeiras (R$ 920 milhões) e o Atlético-MG (R$ 635 milhões). O Athletico Paranaense é o 10º do Brasil, com R$ 360 milhões.

Segundo o Transfermarkt, o valor de mercado dos jogadores é determinado por diversos fatores, entre eles: idade, performance no clube e na seleção, nível da liga, prestígio, potencial de desenvolvimento, valor de marketing, número e reputação de clubes interessados, experiência e histórico de lesões.

Os mais valiosos do Athletico, por exemplo, são os laterais Abner (R$ 48 milhões) e Khellven (R$ 30 milhões), o volante Christian (R$ 29 milhões), o zagueiro Lucas Halter (R$ 25 milhões), o goleiro Santos (R$ 22 milhões) e o centroavante Matheus Babi (R$ 22 milhões).

No Flamengo, os mais caros são o centroavante Gabigol (R$ 167 milhões), o meia Arrascaeta (R$ 116 milhões), o centroavante Pedro (R$ 90 milhões), o ponta Kenedy (R$ 64 milhões) e os meias Everton Ribeiro (R$ 51 milhões) e Andreas Pereira (R$ 51 milhões).

FLAMENGO X ATHLETICO
Flamengo: Diego Alves, Isla, Rodrigo Caio, Léo Pereira e Filipe Luís; Willian Arão, Andreas Pereira, Everton Ribeiro e Vitinho (Thiago Maia ou Michael); Bruno Henrique e Gabigol. Técnico: Renato Gaúcho
Athletico: Santos; Marcinho, Pedro Henrique, Thiago Heleno, Nicolás Hernández e Abner; Erick e Léo Cittadini; Terans, Nikão e Renato Kayzer. Técnico: Alberto Valentim
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (GO)
Local: Maracanã, quarta-feira às 21h30
TV: Globo, Sportv e Premiere