Tiroteio no Aeroporto de Los Angeles deixa dois mortos

Um homem armado com uma metralhadora semiautomática baleou três pessoas no Aeroporto de Los Angeles nesta sexta-feira, segundo informações da polícia. Entre os alvos, um agente federal de segurança perdeu a vida no incidente. O pistoleiro também acabou morrendo após troca de tiros.

O autor dos disparos ainda não foi identificado. Os tiros foram ouvidos no Terminal 3 do aeroporto, que abriga a Virgin America e outras companhias aéreas. As operações no aeroporto foram suspensas pela Administração Federal de Aviação (FAA, na sigla em inglês) logo após as primeiras informações sobre o tiroteio. Uma fonte disse ao The Wall Street Journal que os terminais 1, 2 e 3 foram esvaziados e aviões que chegaram no local estavam taxiando enquanto os passageiros eram mantidos a bordo. 

Alguns passageiros foram retirados do complexo, enquanto outros foram mantidos em restaurantes e em outros locais internos. Conhecido como LAX, o aeroporto está sendo vasculhado por medidas de precaução e a operação inclui também uma unidade anti-bombas.

O incidente aconteceu um dia após o prefeito de Los Angeles ter divulgado um ambicioso plano para reformar o aeroporto, o terceiro maior do país. As obras, no valor de US$ 9 bilhões, teriam o objetivo de melhorar a segurança no local, além de ampliar as pistas de pouso e decolagem.