Meio Ambiente

TJPR lança projeto 'Rolê Ambiental' em conjunto com o governo do Paraná e a Prefeitura de Curitiba

Na manhã desta quinta-feira (1/7), o Tribunal de Justiça do Estado do Paraná (TJPR) lançou o projeto “Rolê Ambiental” com o plantio do “Bosque das Desembargadoras e Desembargadores”. Durante a cerimônia de lançamento, foi assinado, ainda, um acordo de cooperação entre o Governo do Estado do Paraná, o TJPR e a Prefeitura Municipal de Curitiba.

O acordo tem como objetivo difundir e aprimorar o desenvolvimento do projeto “Rolê Ambiental”, bem como contribuir para a disseminação de conhecimentos sobre as relações entre os seres vivos e o meio ambiente. O programa visa, também, incentivar os cidadãos a preservarem o meio ambiente para a sua geração e para as futuras. Nesse sentido, futuramente, o “Rolê Ambiental” realizará visitas guiadas em áreas de Unidades de Conservação do Estado do Paraná (parques e bosques).

“É um programa alinhado ao nosso Plano de Gestão e à Agenda 2030 da Organização das Nações Unidas (ONU). O melhor jeito de preparar as próximas gerações é agir agora, criando projetos como este que trarão frutos no futuro. Nós somos exemplo para o Brasil e para o mundo, porque foram feitas políticas públicas para este desenvolvimento. A educação é fundamental para a transformação da relação da nossa sociedade com o meio ambiente”, declarou o Presidente do TJPR, Desembargador José Laurindo de Souza Netto, durante o evento.

Em seu discurso, o Governador do Estado do Paraná, Carlos Massa Ratinho Junior, ressaltou que a ONU considera o Paraná um exemplo de desenvolvimento sustentável: “É o único estado de país a ter este título. Nós plantamos, no ano passado, dois milhões e meio de árvores pelo programa ‘Paraná Mais Verde’. Temos 80% de tratamento de esgoto, e saneamento básico ao nível de países desenvolvidos. Desenvolvimento econômico sem esquecer do ambiental e do social.”

Ao falar sobre Curitiba, o Prefeito do Município, Rafael Greca, afirmou: "Nós já estamos entre as cidades mais inteligentes do mundo, Curitiba é considerada a cidade mais saneada e limpa do Brasil. Está em avanço a despoluicão do rio Belém, assim como outros da bacia do rio Iguaçu. Nosso objetivo é fazer de Curitiba a cidade mais arborizada do país."

Bosque das Desembargadoras e Desembargadores

Como forma de incentivar o reflorestamento e a preservação ambiental, o TJPR reservou uma área no Fórum Criminal e dos Juizados Especiais do Centro Judiciário de Curitiba para a implementação do “Bosque das Desembargadoras e Desembargadores”. A ação faz parte do projeto da Prefeitura da Capital que pretende plantar 100 mil árvores nativas no Município.

No evento de inauguração desta quinta-feira (1/7), o Presidente do TJPR plantou uma muda de pau-brasil e o Governador e o Prefeito de Curitiba plantaram, respectivamente, uma araucária e um pinheiro-bravo.

Também plantaram árvores, o 1° Vice-Presidente do TJPR, Desembargador Luiz Osório Moraes Panza; o Corregedor-Geral da Justiça, Luiz Cezar Nicolau; o Chefe da Casa Civil, Guto Silva; e o Conselheiro Vice-Presidente do Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR), Ivan Lelis Bonilha.

O objetivo é que todos os Desembargadores e Desembargadoras da Corte estadual plantem uma muda no Bosque.

Participaram do evento, ainda, o Superintendente de Parques e Praças da Secretaria Municipal do Meio Ambiente, Jean Brasil; a Procuradora Geral do Município de Curitiba, Dra. Vanessa Volpi; e Diretores da Sanepar.