Organização criminosa

Tráfico a partir da Penintenciária de Piraquara é alvo de operação policial

(Foto: PCPR)
(Foto: PCPR)
(Foto: PCPR)

A Polícia Civil do Paraná (PCPR) está nas ruas, desde as primeiras horas da manhã desta sexta-feira (16), para cumprir 13 mandados de prisão preventiva e 15 de busca e apreensão em endereços relacionados a integrantes de uma organização criminosa ligada ao tráfico de drogas. O líder comandava o tráfico de dentro do presídio.

Os mandados estão sendo cumpridos simultaneamente no bairro Caximba, na capital paranaense, em Lapa, Região Metropolitana de Curitiba (RMC) e em Altônia, no Noroeste do Estado. Cerca de 90 policiais civis participam da ação, que conta com o apoio de cães farejadores e de helicóptero da PCPR.

As investigações de alta complexidade da PCPR possibilitaram determinar que o chefe da organização comandava as ações criminosas de dentro do cárcere. Ele está preso na Penitenciária Estadual de Piraquara I (PEP I). Envolvido em crimes há mais de 20 anos, já conta com oito condenações com trânsito em julgado por tráfico de drogas, associação para o tráfico, roubo, receptação, furto qualificado e dano qualificado.

O filho do líder, de 18 anos, era responsável por gerenciar o tráfico de drogas nas ruas, mas foi preso com 1 quilo de cocaína durante as investigações, que iniciaram em janeiro deste ano. Com a prisão, outro integrante da organização criminosa assumiu a gerência externa e é um dos alvos de mandado de prisão.

A atuação especializada da PCPR possibilitou a obtenção de mandados de prisão preventiva contra 13 integrantes da organização criminosa. Quase a totalidade dos alvos já possui antecedentes pelo envolvimento com o crime organizado.