Assine e navegue sem anúncios [+]
Eleições 2018

TRE do Paraná vai auditar urnas questionadas por Bolsonaro

"Urnas: OAB vai acompanhar auditoria"
"Urnas: OAB vai acompanhar auditoria" (Foto: Ernani Ogata)

Uma auditoria das urnas eletrônicas de quatro seções eleitorais no Paraná será acompanhada por membros da Ordem dos Advogados do Brasil seção Paraná (OAB-PR). A verificação está marcada para a próxima sexta-feira, na sede do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PR), a partir das 8 horas. A auditoria, pedida pela Comissão Provisória do Partido Social Liberal (PSL), do candidato à presidência Jair Bolsonaro, foi autorizada pelo corregedor regional eleitoral, desembargador Gilberto Ferreira. 
Em entrevista à rádio CBN Curitiba, o presidente da OAB-PR, José Augusto Araújo de Noronha, afirma que a ordem deve resguardar a legitimidade e a integralidade da votação. “Vamos estar lá acompanhando, indagando, e fazendo todas as ações necessárias para conferir e atestar a segurança do voto das pessoas através das urnas eletrônicas”, afirma.
A verificação deve ocorrer nas urnas das seções 311, que não teve a zona eleitoral indicada no pedido; 292, da 9a Zona Eleitoral de Campo Largo, na Região Metropolitana de Curitiba; 654 e 664, da 1a Zona Eleitoral de Curitiba. O pedido foi feito após relatos de que as urnas concluíram o processo de votação “imediatamente após a digitação dos dois números para candidato à Presidência da República, sem que o eleitor digitasse a tecla confirma”.
Fake news - O presidente da OAB destacou que em meio as “fake news” é importante provar a lisura do processo eleitoral. “Sabemos que muitas notícias veiculadas são fake news e precisam ser esclarecidas pelo tribunal de uma forma mais eficiente. E problemas que foram atestados por pessoas idôneas que o tribunal consiga esclarecer à população para que não gere nenhuma dúvida com relação à lisura das eleições”, disse à CBN.
Representantes da Procuradoria Regional Eleitoral (PRE) e presidentes das comissões de Auditoria da Votação Eletrônica e de Segurança Permanente também devem acompanhar a auditoria. O procedimento vai verificar se os sistemas instalados nas urnas são os mesmos que foram lacrados pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), se as urnas estavam em perfeitas condições de uso e funcionamento e se há indícios de fraude no sistema.

SEGUNDO TURNO
Candidatos intensificam agendas

A 13 dias do segundo turno das eleições, os candidatos à Presidência da República Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT) intensificam as agendas de campanha, seguindo estilos distintos. Bolsonaro aguarda a próxima quarta-feira (17) para definir o roteiro de viagens e se irá participar de debates. Já Haddad esteve em atos de apoio e concede entrevistas. Em São Paulo, participou de ato em homenagem aos professores, no dia da categoria. No mesmo horário, sua vice Manuela d’Avila (PCdoB) esteve em outro evento em Porto Alegre. Ao longo do dia, o candidato do PT concede entrevistas à imprensa. Na quinta-feira, Bolsonaro será examinado por uma junta médica. Segundo ele, a partir dessa análise, definirá a participação em debates e viagens. Ele não divulgou agenda oficial. Mas são aguardadas reuniões ao longo do dia. Correligionários e apoiadores devem ter encontros com o candidato. Também são esperados posts nas redes sociais sobre os mais variados assuntos.

DESTAQUES DOS EDITORES

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições. OK