TJPR

Tribunal de Justiça do Paraná lança Escola Judicial do Paraná

(Foto: Divulgação TJPR)

Foi realizado, nesta segunda-feira (31/5), o lançamento da Escola Judicial do Paraná (EJUD-PR), no Pleno do Tribunal de Justiça do Estado do Paraná (TJPR), em cerimônia restrita. A solenidade foi transmitida pelo Canal do TJPR no YouTube

A EJUD foi criada para atender à necessidade de desenvolvimento, atualização e capacitação profissional dos magistrados e servidores do Poder Judiciário do Paraná, tendo como finalidade primordial garantir uma prestação jurisdicional mais qualificada. 

Além de promover cursos de formação inicial e aperfeiçoamento, a Escola também irá fomentar pesquisas e publicações em áreas relacionadas à carreira da magistratura e ao exercício dos cargos dos servidores; estimular debates sobre temas relevantes para o aprimoramento dos serviços judiciários e da prestação jurisdicional, por meio de fóruns seminários, congressos e outros eventos; e promover e incentivar cursos de especialização stricto e latu senso

Em sua fala, o Presidente do TJPR, Desembargador José Laurindo de Souza Netto, ressaltou a importância da educação e da inovação. “Ciente de que o conhecimento é o principal instrumento de transformação pessoal e social, a EJUD será plasmada para adoção de sua principal ferramenta, a inovação na aprendizagem. É exatamente este o propósito da Escola Judicial do Tribunal de Justiça do Estado do Paraná a que agora se dá vida. Por meio da inovação, pretende-se a produção de conhecimento para promover a transformação de servidores e magistrados, por conseguinte do próprio Poder Judiciário, munindo-os com os conhecimentos, as ferramentas e as habilidades necessárias ao enfrentamento dos novos tempos que virão”, enfatizou o Chefe da Corte estadual. 

No início da cerimônia, foi realizada a posse do Diretor e do Vice-Diretor da Escola Judicial, o Desembargador Ramon de Medeiros Nogueira e o Juiz de Direito Substituto em Segundo Grau Ruy Alves Henriques Filho, respectivamente. 

O Desembargador Ramon de Medeiros Nogueira falou sobre parcerias para efetivar o ensino: “Temos compromissos com os resultados técnicos, primamos pela qualidade em todas as atividades realizadas. Buscamos cooperação com instituições de ensino e escolas judiciais, primando pela eficiência e inovação. Voltamos nossos esforços para oferecer cursos observando as metodologias e tecnologias ativas”. 

Participando de forma remota, o Ministro do Supremo Tribunal Federal Edson Fachin ressaltou a importância do conhecimento no momento difícil enfrentado pela sociedade: “O desafiante momento não poderia ser mais propício para investir nas potencialidades humanas do saber como contributo à efetividade da Justiça, da liberdade e da solidariedade. É tempo de serenidade e firmeza necessárias à defesa das instituições. Com humildade impende cumprir nosso dever a fim de produzirmos confiança entre Juízes e jurisdicionados”. 

O Ministro da Justiça e Segurança Pública, Anderson Gustavo Torres, falou sobre o ímpeto por se aproximar dos debates acerca da Justiça do país nos dias atuais. "A nossa ideia é retomar o Ministério da Justiça como pioneiro a capitanear todas essas iniciativas de Justiça no país. O nosso entendimento é que precisamos retornar um pouco e cuidar dessa parte de Justiça, capitaneando todas as iniciativas, acadêmicas, discussões, e projeto como o este. Para nós, foi uma honra. O Paraná e o TJPR estão de parabéns pelo empenho relatado hoje." 

“Estamos trabalhando arduamente para resolver algumas pendências históricas que o Estado tinha com o Poder Judiciário. Agora temos a Escola Judicial do Paraná, a qual eu tive honra, como Governador, de sancionar. É o Judiciário paranaense, que sempre inovou, que sempre foi moderno e que, acima de tudo, que defende e trabalha em prol de todo uma sociedade. Quero parabenizar esse Tribunal por mais essa inovação e esse pioneirismo”, destacou o Governador do Estado do Paraná, Carlos Massa Ratinho Júnior. 

 

Selo, logo, hino e bandeira da EJUD-PR 

Para celebrar o lançamento da Escola Judicial do Paraná, os Correios criaram um selo comemorativo com a logo da EJUD. 

 

 

A logo da EJUD foi idealizada a partir da imagem do livro, que representa a importância da educação para o crescimento do Poder Judiciário. O Paraná é simbolizado por seu mapa e pela araucária, árvore originária do estado.  

Compõem a logo, ainda, a espada e a balança, trazidas da marca do TJPR, mantendo o compromisso de segurança, proteção e força para a manutenção da paz e da Justiça. A composição é registrada nas palavras em latim cognitio (conhecimento), scientia (saber) e rectum et justum, referente a uma Justiça reta e justa. Por fim, o escudo mantém a ideia de segurança e proteção. 

A bandeira da EJUD tem como inspiração a bandeira do Estado do Paraná, com retângulos azuis originados por uma longa faixa branca transversal. No centro, em destaque sobre a mesma faixa, está a marca da EJUD. O TJPR está representado com sua marca no triangulo verde que indica sua origem. 

 

 

Foi apresentado, também, o hino oficial da EJUD-PR, criado pelo Senhor Sérgio Justen. Assista ao hino:

 

 

Lançamento do livro ‘Direito, Justiça & Sociedade - Estudos em homenagem à criação da Escola Judicial do Paraná’ 

Durante o evento foi lançado o livro “Direito, Justiça & Sociedade - Estudos em homenagem à criação da Escola Judicial do Paraná”.  

O objetivo da obra, além de celebrar a criação da EJUD-PR, é contribuir para a análise e discussão da aplicação de temas jurídicos atuais e polêmicos, com destaque para os direitos e garantias fundamentais, funcionamento e eficiência das instituições que compõem o Sistema de Justiça, bem como da importância do conhecimento para o aperfeiçoamento do Estado Democrático de Direito. 
 
A obra possui 60 artigos e foi coordenada pelo Presidente do TJPR juntamente com o Procurador-Geral da Justiça e pela Escola Superior do Ministério Público do Paraná. 

 

 

Autoridades 

Participaram do evento, também, o Procurador Geral da Justiça, Gilberto Giacóia; o Sub-Procurador Geral da Justiça para Assuntos Jurídicos, Dr. Mauro Sérgio Rocha; o Presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Paraná, Desembargador Tito Campos de Paula; o Chefe da Casa Civil, Guto Silva; o Comandante-Geral da Polícia Militar do Paraná, Hudson Teixeira; o Presidente da Ordem dos Advogados do Brasil - Seção Paraná, Cassio Lisandro Telles; o Diretor da Escola Superior do Ministério Público do Paraná, Dr. Eduardo Augusto Salomão Cambi; e o Presidente da Comissão de Constituição e Justiça da Assembleia Legislativa do Paraná, Fernando Francischini. 

Dentre as autoridades do TJPR, estiveram presentes o 1º Vice-Presidente, Desembargador Luiz Osório Moraes Panza; a 2ª Vice-Presidente, Desembargadora Joeci Machado Camargo; o Corregedor Geral da Justiça, Desembargador Luiz Cezar Nicolau; o Corregedor da Justiça, Desembargador Espedito Reis do Amaral; o Ouvidor-Substituto, Desembargador Jorge de Oliveira Vargas; entre outros magistrados. 

De forma remota, participaram da solenidade, ainda, as seguintes autoridades: os Conselheiros do Conselho Nacional de Justiça Dr. Luiz Fernando Thomasi Keppen e Dra. Maria Tereza Uille Gomes; o Defensor Público-Geral do Estado, Eduardo Pião Ortiz Abraão; a Procuradora do Município, Dra. Vanessa Volpi Bellergard Palácios, representando, neste ato, o Prefeito Municipal de Curitiba, Rafael Greca; o Superintendente dos Correios, Sr. Paulo Cezer Kremer dos Santos; entre outras autoridades.