Publicidade
Maio Verde

Trinta milhões de brasileiros sofrem de enxaqueca. Você é um deles?

Trinta milhões de brasileiros sofrem de enxaqueca. Você é um deles?
(Foto: Reprodução/INC)

O Hospital Instituto de Neurologia de Curitiba (INC) realiza, no dia 20 de maio, um evento para marcar o Dia Nacional de Combate a Cefaleia, comemorado no dia 19 de maio. O chefe do Setor de Cefaleia e Dor Orofacial do INC, o neurologista Paulo Faro, membro da Sociedade Brasileira de Cefaleia, implementa o projeto Maio Verde - uma campanha com o objetivo de conscientizar a população sobre a enxaqueca e seus tratamentos, além de capacitar profissionais médicos não-neurologistas a diagnosticar a tratar os principais tipos de cefaleia. Além disso, o médico realiza nesse dia a 18ª edição do INC Health Talks, para falar sobre o assunto. O encontro gratuito e direcionado para a população em geral, acontece às 16h, na sede do Patio Batel do Hospital INC.

A cefaleia é a terceira queixa mais frequente nos atendimentos dos ambulatórios de clínica médica. É responsável por 9,3% das consultas não agendadas e o motivo mais constante que leva pacientes a procurar atendimento especializado com neurologistas. São 2% de todos os atendimentos nos serviços de emergência, segundo dados de 2018 do site da Academia Brasileira de Neurologia.

Dados da Sociedade Brasileira de Cefaleia apontam que 95% das pessoas sofrem com dor de cabeça pelo menos uma vez na vida. Desses, 70% são mulheres e 30%, homens. No Brasil, 13 milhões de pessoas apresentam algum tipo de cefaleia durante 15 dias ou mais por mês, ou seja, sofrem uma dor crônica que, muitas vezes, pode incapacitar o paciente para as tarefas rotineiras. Cerca de 30 milhões de brasileiros possuem enxaqueca – a principal causa da dor de cabeça.

No dia 19 de maio, o especialista, que é membro da Sociedade Brasileira de Cefaleia, promoverá um curso de atualização em dores de cabeça, voltado aos profissionais da área de saúde selecionados pela Secretaria Municipal e Estadual de Saúde, sobre os principais tipos de dores de cabeça e como manejá-las na Unidade Básica de Saúde e nas Unidades de Pronto-Atendimento. “Iremos capacitar cerca de 120 profissionais médicos que trabalham da rede básica de saúde e nas unidades de pronto-atendimento para atendimento nos casos de cefaleia”, afirma. As inscrições para participar dos eventos em comemoração ao Dia Nacional de Combate a Cefaleia podem ser feitas no site da instituição.

Segundo o médico, as cefaleias são classificadas em primárias e secundárias. As primárias são doenças cujo sintoma principal, porém não único, são episódios recorrentes de dor de cabeça. As cefaleias secundárias, por outro lado, são sintomas de uma doença subjacente, neurológica ou sistêmica, como a meningite, a dengue ou o tumor cerebral. O diagnóstico diferencial entre cefaleia primária ou secundária é essencial.

Sobre a Enxaqueca

Segundo o Ministério da Saúde, de 5 a 25% das mulheres e 2 a 10% dos homens têm enxaqueca. Ela é predominante em pessoas com idades entre 25 e 45 anos, sendo que, após os 50 anos essa porcentagem tende a diminuir, principalmente em mulheres. A doença ocorre em 3 a 10% das crianças, afetando igualmente ambos os gêneros antes da puberdade, mas com predomínio no sexo feminino após essa fase. “Os principais sintomas são dor pulsátil em um dos lados da cabeça, geralmente acompanhada de fotofobia e fonofobia, náusea e vômito. A duração da crise varia de quatro a 72 horas, podendo ser mais curta em crianças”, afirma Faro.

O neurologista afirma que a enxaqueca é causada por alteração genética e influencias ambientais. “Estresse, jejum prolongado, alimentos específicos, alterações no sono, luzes e sons intensos podem desencadear as crises. A alimentação é responsável muitas vezes pelas crises: queijos amarelos, álcool, frutas cítricas, carnes processadas, frituras e gorduras em excesso são alguns alimentos que podem desencadear a enxaqueca”, afirma Faro. 

 

Mais informações: INC Health Talks sobre cefaleia, com o neurologista Paulo Faro

Local: Hospital INC – Shopping Pátio Batel

Endereço: Av. Batel, 1868 – piso S1 – subsolo

Data: 19 de maio, 16h.

Inscrições: http://site.hospitalinc.com.br/pt/talks

Publicidade

DESTAQUES DOS EDITORES