Publicidade
Poemas e artes visuais

Um livro que é uma obra de artes plásticas também

Poemas e recortes compõem O gato sem Nome é o novo livro do escritor e artista plástico Carlos Dala Stella, cujo lançamento ele faz hoje às 19 horas, no Espaço Cultural Beto Batata. Esta que á quarta obra de Dala Stella, e  teve coordenação de Daniel Barbosa e co-edição de Robert Amorim, traz pouco mais de 180 páginas, com 100 poemas, separados em dois blocos de imagens: “ A dor de Eleotério”  e “Duas almas se uniram numa nuvem” .  O designer gráfico da produção - o tecido vermelho que reveste o papelão da capa, as ilustrações coladas uma a uma com pincel e cola branca, o cheiro da serigrafia página a página, páginas vazadas  por uma lâmina de estilete - impressionou o crítico de arte e escritor italiano Elio Finzi que leu os originais e fez questão de apresentar a obra. No texto ele revela que “é um livro de inauguração, difícil de catalogar”. E segue: “Não exatamente porque a poesia de Dala Stella anda de mãos dadas com as artes plásticas. Mas pela natureza dessa relação, pela profundidade dessa simbiose. Quando se fala na morte do livro, eis que nasce uma forma diversa de tudo o que foi feito”.

Para ele, os poemas ora são aforismos, ora blocos sígnicos compactos, ora líricos e cotidianos. “Penso de não encontrar hoje outro poeta brasileiro cujo uso da linguagem resulte tão enfático e elíptico – mas não rarefeito”, pontua.

E diz mais sobre os poemas, igualmente difíceis de serem enquadrados, segundo o crítico.  “Desenhos com o estilete? Baixos-relevos de papel? Esculturas vazadas? Vi o autor assoprar bem no meio desses recortes e não posso esquecer o encantamento que senti. São os dois pulmões do livro. Um forte e figurativo, outro delicado e abstrato”, comenta impressionado.

Serviço
O que: Noite de autógrafos do livro O Gato Sem Nome, de Carlos Dala Stella.
Quando: Dia 20 às 19h. Onde: Espaço Cultural Beto Batata (R. professor Brandão, 678). Informações: (41) 3262-0840.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES