Publicidade
Rede Municipal

Volta às aulas tem abordagem educativa no trânsito da Capital

Agentes de trânsito estarão em escolas com grande movimento no seu entorno
Agentes de trânsito estarão em escolas com grande movimento no seu entorno (Foto: Pedro Ribas/SMCS)

Hoje é dia de volta às aulas para 140 mil crianças e estudantes das escolas e Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs) de Curitiba. Após duas semanas de recesso em julho, o segundo semestre letivo segue até 19 de dezembro nas 185 escolas e 221 CMEIs da rede municipal de ensino.
Mas a volta às aulas também significa mais cuidados, em especial no trânsito, já que as ruas no entorno das escolas ficam mais intensos. Por isso, a partir de hoje, Escola Pública de Trânsito (EPTran) começa as atividades educativas de volta às aulas com abordagens a motoristas.
Hoje, elas acontecem em dois locais. Das 9 às 11 horas, agentes de trânsito estarão na Rua Francisco Frischmann, perto do colégio estadual Pedro Macedo, no Portão. No período da tarde, as atividades acontecem das 14 às 16 horas na Rua Chile, nas proximidades do Teatro do Paiol.
“São locais com grande fluxo de veículos que, ao longo do trajeto rotineiro, vão passar por diversos estabelecimentos de ensino, e que precisam redobrar a atenção e os cuidados”, reforça a superintendente de Trânsito, Rosangela Battistella.
Diariamente, chegam a passar, em média, 47 mil veículos pela Francisco Frischmann e 24 mil pela Chile, de acordo com dados da Superintendência de Trânsito.
Nos próximos dias, novas ações de conscientização de trânsito serão feitas pela EPTran, em todas as regionais da cidade. A programação completa vai ser divulgada.

Secretaria inicia cadastro de novos estudantes
As famílias de crianças e estudantes que precisam de vagas em turmas de pré e 1º ano do Ensino Fundamental para 2020 terão prazo de 1º a 31 de agosto para fazer o cadastramento junto à Secretaria Municipal da Educação de Curitiba. O cadastramento é voltado somente às crianças que ainda não estudam na rede municipal de ensino de Curitiba.
As que já estão matriculadas em uma unidade da rede, seja escola ou Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI), não precisam se cadastrar, pois seguirão o fluxo normal ao mudarem de ano, bastando confirmar a matrícula posteriormente.
O cadastramento será feito a partir de 1º de agosto no portal Cidade do Conhecimento. Ao preencher o cadastro, as famílias indicam até três opções de escolas de preferência. Os endereços das unidades também estão disponíveis no site.
A distribuição de vagas é feita partir da indicação da unidade e do endereço da família. A intenção é garantir a matrícula de cada criança na unidade mais próxima de casa. O cadastro, contudo, não garante a vaga para o ano que vem.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES