WTorre promete bom gramado após shows do Guns N'Roses

JOSÉ EDGAR DE MATOS SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Esta sexta-feira (11) marca o primeiro dia da apresentação da banda Guns N'Roses no Allianz Parque. Axl Rose, Slash e companhia também se apresentarão na arena palmeirense neste sábado (12). A megalomania da produção e os ingressos esgotados preocupariam com as condições do gramado, mas a WTorre procura tranquilizar os palmeirenses. Em entrevista concedida à reportagem, Alexandre Costa, gerente geral do Allianz Parque, garante a recuperação plena do gramado após os dois dias de shows do Guns, antes do próximo compromisso do Palmeiras como mandante. Em 20 de novembro, o líder da Série A recebe o Botafogo, pela 36ª rodada. "O que mais atrapalha neste momento é a mudança do gramado de inverno para o verão. Como o gramado ficará coberto por apenas cinco dias –e isso não é muito-, creio que estará em boas condições. O que vai acontecer é a cor diferente das áreas cobertas e trocadas. A condição estará boa para os próximos dois jogos", garantiu Alexandre. O show da banda americana gerou brincadeiras do técnico Cuca no último dia 21. "Vou falar o quê? Não pisa no gramado? Não fiquem pulando? [risos] Brincadeiras à parte, o campo tem de estar bom, se não vou chorar de volta", sentenciou o treinador palmeirense. A WTorre procurou tranquilizar o comandante e o próprio Palmeiras. "Podem pular à vontade no show, e o Palmeiras pode jogar com a maior intensidade possível. O gramado irá resistir com toda a certeza", afirmou Alexandre, que explicou o porquê do discurso apaziguador antes dos dois shows do Guns N'Roses na reta decisiva do Brasileiro. "É importante qualificar alguma coisa. A grandeza do show tem pouco impacto no gramado. O Andrea Bocelli, um show mais tranquilo, tem até mais impacto. O Bocelli, com cadeiras; como o gramado vive de sol e as cadeiras eram mais uma fonte de sombra, o gramado ficou mais marcado", explicou. "Resumidamente, chega a ser menos agressivo o show do Guns N'Roses com 20 mil pessoas pulando no gramado do que o show do Bocelli com as cadeiras", explicou o gerente da arena palmeirense. A última apresentação do Guns N'Roses está marcada para este sábado, dia 12. A partir de então, a WTorre e as empresas responsáveis pela manutenção do gramado contarão com oito dias de janela antes do próximo compromisso palmeirense, diante do Botafogo. Além do jogo em 20 de novembro, o Palmeiras atuará em casa sete dias depois, em duelo pela penúltima rodada da Série A diante da Chapecoense. No planejamento de Cuca e comissão técnica, o título pode ser garantido justamente nos duelos dentro do Allianz Parque.