Curitiba sedia encontro de twiteiros culturais

Evento começa amanhã no Centro de Eventos da Federação da Indústrias do Estado do Paraná

11/03/10 às 00:00 Da Redação
Ninguém mais dúvida da potencialidade de divulgação e propagação de informações através das redes sociais digitais. Ferramentas como Twitter, Orkut, Facebook, Youtube, já são utilizadas por grandes empresas e pessoas famosas para divulgar seus produtos e trabalhos, aproximar mais de seus públicos e construir e manter sua imagem.

Atualmente a febre é o Twitter, microblog para troca de mensagens rápidas. Recente estudo divulgado em janeiro comprova o crescimento e a popularidade do Twitter no Brasil, que ocupa a segunda posição em número de usuários no mundo. O país responde por 8,8% do mercado da rede, ficando atrás apenas dos Estados Unidos.
Segundo dados divulgados pela empresa responsável pelo Twitter, o microblog tem diariamente 50 milhões de mensagens (Tweets). Cerca de 20% delas fazem referência a produtos ou marcas. O que comprova a potencialidade da ferramenta para o marketing e divulgação.

No setor cultural, isso não é diferente. Grandes nomes da música popular como Maria Rita e Ivete Sangalo; grupos de dança como o Grupo Corpo e outros tipos de manifestação cultural utilizam as redes sociais para divulgar seus trabalhos e espetáculos.

Exatamente com o intuito de debater a cultura nas redes sociais, profissionais de literatura; música; cinema; multimídia; jornalismo e áreas afins, que são ligados em cultura e presentes no Twitter, se uniram e criaram o “Encontro de Twitteiros Culturais do Brasil”.

Curitiba, capital do Paraná, será sede do 4º Encontro desses Twitteiros. O evento acontece durante as atividades Conferência Internacional de Cidades Inovadoras 2010 (CICI 2010). Amanhã, a partir das 15h, no Centro de Eventos da Fiep (Av. Comendador Franco, 1341 - Jardim Botânico – Curitiba).

Para Júlia Ramalho Pinto (@arpjulia), coordenadora do ETC_BH (@ETC_BH) e uma das convidadas para conduzir os debates, o evento é de extrema importância, uma vez que a cada dia mais pessoas aderem às redes sociais como forma de interação. “Diante da grande popularidade e da potencialidade dessas ferramentas esse tipo de encontro ganha relevância. O Twitter é hoje um grande divulgador de idéias. E por que não transformá-lo em um grande propagador da cultura? Este encontro será importante para avançamos em questões de como melhor utilizar essa rede que a cada dia cresce mais. Do último ETC_Brasil 27/02, três novas cidades já aderiram a rede”, diz.

Júlia explica que estará na pauta de debates a relação do Twitter com a cultura, forma de utilização e como o Twitter pode auxiliar na difusão de informações para públicos não interessados na área. A cada encontro são colocadas novas questões práticas de como ir tecendo a rede e utilizando-a melhor.

Júlia Ramalho Pinto @arpjulia – Sócio-diretora da Estação do Saber, Mestre em administração (UFMG), psicóloga (FUMEC) clínica (psicanálise) e organizacional (coach), administradora (UFMG), professora universitária em cursos de graduação e pós-graduação, curadora e coordenadora do projeto Estação Pátio Savassi.

0 Comentário

Você precisa acessar o seu perfil para comentar nas matérias.

Blogs
Ver na versão Desktop