Ministro do STJ nega pedido de Lula e mantém depoimento a Moro

10/05/17 às 11:27 - Atualizado às 11:41 Folhapress
(foto: Agência Brasil/EBC)

LETÍCIA CASADO SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O ministro Felix Fischer, do STJ (Superior Tribunal de Justiça), negou o pedido da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para adiar o depoimento dele ao juiz Sergio Moro, nesta quarta (10).

Comitiva de Lula segue do aeroporto Afonso Pena para Curitiba

 

Segundo o tribunal, o ministro negou o recurso que solicitava a suspensão da ação contra o petista na Justiça Federal no Paraná. A defesa queria acesso a uma série de documentos requeridos à Petrobras -e também 90 dias pra analisar material depois do recebimento. Caso o pedido fosse aceito, o depoimento seria adiado.

Fisher também manteve decisão do TRF-4 contrária ao pedido dos advogados do ex-presidente para gravar o depoimento desta quarta. Há um terceiro recurso, que trata da continuidade de Moro à frente do processo, que ainda não foi analisado pelo ministro.

 

LULA

O ex-presidente Lula chegou ao aeroporto de Curitiba às 10h16, onde esperou por Dilma Rousseff. Lula viajou no jato do ex-ministro Walfrido Mares Guia. Lula saiu do aeroporto de Curitiba por volta das 11h. Cerca de dez pessoas o esperavam na calçada da saída de Infraero. Cem metros depois, foi vaiado por cerca de 20 manifestantes.

Blogs
Ver na versão Desktop