País oferece luxo, aventura e religiosidade

Na verdade não se deve limitar a Jordânia a um mercado específico

06/03/09 às 00:00 - Atualizado às 18:50
SAIBA MAIS

Na verdade não se deve limitar a Jordânia a um mercado específico. O país oferece religiosidade, aventura, luxo, ecologia e uma história humana que data de meio milhão de anos, conforme provam instrumentos de pedra encontrados nas planícies centrais da Jordânia. No Mar Morto, três hotéis cinco estrelas, construídos lado a lado, mostram suas luxuosas dependências: Movenpick Dead Sea Hotel, Marriott e Kempinski Hotel Ishtar, com o seu maior Spa do Oriente Médio. Mas a Jordânia tem 500 hotéis de 3 a 5 estrelas, com 22 mil apartamentos. 

Até  2013 serão  30 mil apartamentos. Desde 2006 o governo está reestruturando a aviação civil e  modernizando o aeroporto Queen Alia International, construindo um novo terminal e ampliando espaços. A Royal Jordanian Airlines (RJ) tem seu hub no aeroporto QAA, em Amman, conectando a Jordania com 50 destinos. Vôos diretos  são operados para 7 cidades da Ásia, 17 cidades européias e 4 cidades na América do Norte. Também serve a Austrália e América do Sul através de acordos code share e com os membros da OneWorld Alliance.

Na capital,  Amman, o centro da cidade terá feições modernas, com o Abdali Boulevard, a maior "strip" de shoppings do Levante, com cafés, restaurantes, lojas e boutiques internacionais, praças e edifícios no estilo Dubai.

0 Comentário

Você precisa acessar o seu perfil para comentar nas matérias.

Blogs
Ver na versão Desktop