Arquivo da tag: Marconi Perillo

Beto Richa está com os cabeças pretas

10 novembro, 2017 às 09:00  |  por Fernando Tupan

Beto Richa e Ademar Traiano

O governador de Goiás, Marconi Perillo, estará hoje em Curitiba para tentar trazer Beto Richa para o grupo dele. O encontro tem tudo para não dar certo. Ontem, Richa defendeu o afastamento do PSDB do governo Michel Temer (PMDB), Perillo é ligado ao grupo de Aécio Neves que defende a participação dos tucanos na atual gestão peemedebista. Talvez esse seja o motivo para o goiano marcar um encontro com Richa e outro com o presidente estadual do PSDB, Ademar Traiano. Ele tem esperança de seduzir Traiano. O que Perillo não sabe, é que Traiano é aliado fiel do atual governador do Paraná.

Marconi Perillo estará em Curitiba, na sexta

8 novembro, 2017 às 09:00  |  por Fernando Tupan

Marconi Perillo

Marconi Perillo

Em dezembro, o PSDB irá escolher o novo presidente nacional. Dois grupos tentam ficar como o comando da sigla. Um, ligado ao senador Aécio Neves e outro, aos cabeças pretas, liderados por Tasso Jereissati. Nas internas, Jereissati é apontado como favorito para ficar com o cargo. Aécio deseja Marconi Perillo como presidente. Perillo em desvantagem está correndo atrás para recuperar votos perdidos. Na sexta-feira ele estará em Curitiba para conversar com o governador Beto Richa e o presidente do PSDB paranaense, Ademar Traiano. O cardápio certamente será eleição no ninho tucano.

Paraná discutirá reformas que o Brasil precisa

21 março, 2017 às 18:30  |  por Fernando Tupan

Ademar Traiano, beto e o presidente da Unale

Adjuto Afonso, Beto Richa e Ade,ar Traoamp

A Assembleia Legislativa e o governo do Paraná serão os anfitriões de um encontro nacional que vai discutir as reformas que o Brasil precisa, na XXI Conferência Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais. O encontro vai ser em junho em Foz do Iguaçu. O governador Beto Richa, que vai abrir o encontro e participar de um painel de governadores, destacou a importância do evento e se comprometeu a participar do convite a governadores e ministros (devem vir, entre outros, Geraldo Alckmin, Marconi Perillo, Gilmar Mendes, Henrique Meirelles) para que venham ao Paraná. O presidente da Assembleia, deputado Ademar Traiano (PSDB) disse que o evento “será uma oportunidade para o Paraná mostrar ao Brasil o que foi feito de bom aqui. De mostrar o Paraná”.

Continuar lendo

PSDB lança campanha nacional de mobilização e para novas filiações

13 agosto, 2015 às 13:25  |  por Fernando Tupan

Aécio Neves e Beto Richa

Aécio Neves e Beto Richa

O presidente nacional do PSDB, senador Aécio Neves (MG), comandará junto com os cinco governadores tucanos — Beto Richa (PR), Geraldo Alckmin (SP), Marconi Perillo (GO), Simão Jatene (PA) e Reinaldo Azambuja, (MS) — um evento nacional de filiação partidária.

A campanha será aberta simultaneamente em todo o Brasil a partir de Maceió nesta sexta-feira, dia 14, às 11 horas, e terá transmissão via satélite para Belém, Curitiba, Goiânia e São Paulo, as cinco capitais que representam as regiões Sul, Sudeste, Centro Oeste, Nordeste e Norte.

Continuar lendo

Lousa Interativa

15 novembro, 2013 às 08:00  |  por Fernando Tupan

A Copel venceu dois lotes do leilão de empreendimentos de transmissão de energia da ANEL. A empresa irá investir R$ 1,63 bilhão em obras no Paraná e São Paulo. Um deles em parceria com a estatal Furnas. O governador Beto Richa disse que a Copel busca maneiras de fomentar o mercado paranaense.  *** A ministra da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, foi escalada para sabotar a votação da PEC que aumenta em 2% os repasses do Fundo de Participação dos Municípios – o que daria mais de R$ 6,1 bilhões às prefeituras. *** A presidente Dilma Rousseff vetou o projeto que criava, incorporava, fundia e desmembrava municípios. A justificativa para derrubar o projeto foi o aumento das despesas do Estado com a manutenção da estrutura administrativa e representativa. *** Rodrigo Janot, procurador-geral da República, acatou mandato de segurança pela perda automática do mandato de deputado federal condenado criminalmente pelo Supremo Tribunal Federal (STF). Caso o STF defira o mandato de segurança, a decisão valerá também para os parlamentares condenados no mensalão. ***  O Senado aprovou a Emenda à Constituição que acaba com o voto secreto em todas as votações no Poder Legislativo. *** O relator do mensalão e presidente do STF, Joaquim Barbosa, venceu a tese que determina a execução imediata das penas da maioria dos condenados no processo. *** Os governadores tucanos Beto Richa, Geraldo Alckmin, Antonio Anastasia, Marconi Perillo, Simão Jatene, José de Anchieta Jr., Siqueira Campos e Teotônio Vilela se encontrarão na próxima segunda-feira em Poços de Caldas, Minas Gerais, para soltarem um manifesto em defesa da autonomia e o fortalecimento dos estados e municípios brasileiros.

Lousa Interativa

2 novembro, 2013 às 08:00  |  por Fernando Tupan

O Senador Aécio Neves destilou veneno contra o ex-presidente Lula depois que ele insinuou que o governo Fernando Henrique Cardoso teria quebrado e criado um ambiente de insegurança para os brasileiros. Para Aécio, o governo Lula só foi possível, graças a estabilidade econômica. *** O governador de Goiás, Marconi Perillo, disse que o ex-presidente Lula gostaria de estar no lugar da presidente Dilma Rousseff no comando do Brasil. ***As regras para criação de partidos políticos estão mais rigorosas a partir de hoje. A presidente Dilma Rousseff sancionou a lei 12.875 que limita o acessa a verbas do Fundo Partidário e restringe o tempo de propaganda eleitoral gratuita no rádio e na televisão. *** A evolução patrimonial dos funcionários do Ministério da Fazenda e da Receita Federal será acompanhada periodicamente e sistematicamente, a fim de verificar indícios de enriquecimento ilícito. A decisão deverá em breve ser estendida para outras pastas do governo federal. *** O senador Jorge Viana (PT) apresentou projeto de lei para alterar o Estatuto da Criança do Adolescente (ECA). Se aprovado o período de internação de menores que cometem infrações que, praticadas por adultos, seriam classificados como crimes hediondos sobe para até 8 anos. Atualmente a internação máxima é de 3 anos para qualquer tipo de infração.  Aécio Neves

O Senador Aécio Neves (PSDB) destilou veneno contra o ex-presidente Lula depois que ele insinuou que o governo Fernando Henrique Cardoso teria quebrado e criado um ambiente de insegurança para os brasileiros. Para Aécio, o governo Lula só foi possível, graças a estabilidade econômica. *** O governador de Goiás, Marconi Perillo, disse que o ex-presidente Lula gostaria de estar no lugar da presidente Dilma Rousseff no comando do Brasil. ***As regras para criação de partidos políticos estão mais rigorosas a partir de hoje. A presidente Dilma Rousseff sancionou a lei 12.875 que limita o acessa a verbas do Fundo Partidário e restringe o tempo de propaganda eleitoral gratuita no rádio e na televisão. *** A evolução patrimonial dos funcionários do Ministério da Fazenda e da Receita Federal será acompanhada periodicamente e sistematicamente, a fim de verificar indícios de enriquecimento ilícito. A decisão deverá em breve ser estendida para outras pastas do governo federal. *** O senador Jorge Viana (PT) apresentou projeto de lei para alterar o Estatuto da Criança do Adolescente (ECA). Se aprovado o período de internação de menores que cometem infrações que, praticadas por adultos, seriam classificados como crimes hediondos sobe para até 8 anos. Atualmente a internação máxima é de 3 anos para qualquer tipo de infração.

Solidariedade vai de Beto Richa no Paraná

6 setembro, 2013 às 07:14  |  por Fernando Tupan

Solidariedade vai de Beto Richa no ParanáPaulinho da Força

De acordo com a coluna Panorama Político, de Ilimar Franco n’O Globo, Paulinho da Força (Solidariedade) já fechou acordo com os governadores Beto Richa (PSDB), Marconi Perilio (PSDB-GO), André Puccinelli (PMDB-MS), Cid Gomes (PSB-CE) e Eduardo Campos (PSB-PE). O presidente do PSDB, Aécio Neves, que ontem esteve com Paulinho, está transferido três tucanos para garantir o tempo de TV do futuro aliado.

Na semana passada, 30 deputados participaram de encontro do novo partido. Devido ao alinhamento com a oposição, o Solidariedade só aceita deputados do PSB e do PSDB quando esses têm problemas regionais internos para disputar a reeleição.

 

País espera que Dilma acorde, diz Richa

25 junho, 2013 às 06:54  |  por Fernando Tupan

Beto Richa e Aécio Neves“O governo federal, extremamente preocupado com as vozes das ruas, para dizer o mínimo, talvez acorde e possamos estar juntos, unidos neste momento para enfrentar os problemas e dar as respostas que a sociedade está aguardando. Nós sempre estivemos dispostos a contribuir, a fazer parcerias e acho que agora é o momento”, disse o governador Beto Richa, pouco antes da reunião com a presidente Dilma Rousseff com os governadores e os prefeitos das capitais. O encontro com Dilma ainda não acabou.

Antes do encontro com Dilma, Richa se reuniu com o senador Aécio Neves, presidente nacional do PSDB, e os governadores tucanos Antonio Anastasia (MG) e Marconi Perillo (GO). Richa disse aos jornalistas que a insatisfação dos brasileiros vem se acumulando com o tempo. “Por conta da corrupção, da falta de ética, da falta de visão estratégica, da falta de investimentos para o futuro, a exigência de mais qualidade na educação, a infraestrutura que continua emperrada. A gota d’água foi o aumento da tarifa de ônibus”, completou.