• Bares de Curitiba promoverão evento no youtube

    “Dia Mundial do Rock” terá comemoração on line no Crossroads e Hard Rock Cafe

    “Dia Mundial do Rock” terá comemoração on line no Crossroads e Hard Rock Cafe

    Informações com assessorias

    Duas casas tradicionais de rock ‘n roll em Curitiba não vão deixar passar em branco as comemorações do “Dia Mundial do Rock” em 2020 devido a pandemia do Coronavírus que paralisou as atividades culturais desde o mês de março.

    O Crossroads anunciou que promoverá o “Festival Crossroads do Dia Mundial do Rock 2020” no próximo domingo (12 de julho) no canal do Youtube do @barcrossroads a partir das 18 horas. Neste ano o festival contará com Lenhadores da Antártida , AFOOstic – Foo Fighters Cover , Punkake , República Pine , Banda F4T , Válvula Vapor , RedLine e Baile Brasa, por enquanto.

    “No ano em que completa 23 anos de existência, e com a energia que nos resta depois de sermos atropelados pelo cenário de caos, o Crossroads tem muito orgulho de anunciar que haverá edição do festival. Mas vai ser diferente, porque o rock, mais do que nunca, precisa dar o exemplo, ser solidário e ajudar a transformar, conscientizar, ao mesmo tempo que continua levando alegria para o mundo”, comunicou o bar nas redes sociais. O Festival Crossroads do “Dia Mundial do Rock 2020” terá transmissão pelas redes sociais: bit.ly/camarotevirtualfestivalcrossroads

    Campanha

    O bar informa que “vai ter campanha para dar fôlego pro Cross. Não vai ser uma simples rifa: o Cross é de vocês também, levem um pedacinho pra casa, e ajudem a gente a ficar em pé no meio dessa tempestade”, informa a casa.

    Hard Rock Cafe Curitiba

    O Hard Rock Cafe que em 2019 realizou uma grande festa de celebração do “Dia Mundial do Rock” também vai promover evento on line de acordo com as possibilidades.

    A casa recorda que a data se originou de uma ideia do cantor britânico Bob Geldof, em fazer um evento para arrecadar fundos para a crise de fome das famílias da Etiópia na África. O evento foi realizado no dia 13 de julho de 1985 e foi denominado como Live Aid. Foi um evento simultâneo com shows em 4 continentes, onde se apresentaram os maiores nomes da música do planeta da época como Paul McCartney, Queen, The Who, Sting, U2, David Bowie, Dire Straits entre tantos outros. Desde então a data se tornou o “Dia Mundial do Rock”, um dia de celebração e solidariedade, que em diversas cidades do Brasil é comemorado.

    Seguindo essa filosofia, “o HRC de Curitiba, que representa a marca que é um templo dedicado ao gênero com grande destaque internacionalmente, concebeu um evento, um dia inteiro de shows e atividades para fomentar a cultura musical da cidade, brindar o curitibano com boa música e diversão para todas as idades e promover e dar voz e palco as bandas independentes. Nesse ano, o evento será totalmente online. De casa mesmo, quem assistir poderá curtir boa música por meio de uma live no canal do youtube”.

    Vale mencionar que será um evento voltado para arrecadar fundos para os artistas locais que estarão se apresentando nesse dia 12 de julho de 2020 das 15 às 21h.


    Na foto: Live Aid em 1985

  • Pandemia do Coronavírus motiva adiamento

    Show do A-ha em Curitiba deverá ser transferido para 2021

    Show do A-ha em Curitiba deverá ser transferido para 2021

    O show da banda norueguesa A-ha que está marcado para acontecer em Curitiba no dia 08 de setembro (terça-feira), no Teatro Positivo, deverá ser transferido para o primeiro semestre de 2021. A informação é do jornalista José Norberto Flesch.

    Fora Curitiba, a banda deveria se apresentar ainda em São Paulo (no Espaço das Américas), Rio de Janeiro (na Jeunesse Arena), Belo Horizonte (na Expominas) e Salvador (na Arena Fonte Nova), como parte da turnê de execução na íntegra do álbum "Hunting High And Low".

    Como não poderia deixar de ser a turnê deverá ser adiada em decorrência da pandemia do novo coronavírus. Ainda não há datas específicas.

    A turnê que celebra 35 anos do álbum de estreia do A-ha apresenta hits como "Take On Me", "Love Is Reason", "The Sun Always Shines on TV", "Train of Thought" e a faixa-título, além de outros sucessos.

    Mais informações: www.sinnersrockbeer.som.br

    heavymol@hotmail.com

  • The Troops of Doom resgatará clássicos e apresentará novas canções

    Primeiro guitarrista do Sepultura monta banda para recordar estilo inicial do grupo

    Primeiro guitarrista do Sepultura monta banda para recordar estilo inicial do grupo

    Informações com divulgação

    Com o nome da canção clássica “The Troops Of Doom” que foi gravada no álbum “Morbid Visions” do Sepultura em 1986, o primeiro guitarrista do grupo, Jairo “Tormentor” Guedz, decidiu montar uma banda de death metal que busca resgatar a essência do estilo feito na época.

    “A ideia é explorar uma sonoridade mais primitiva, que transporte o ouvinte para aquela época quase de forma nostálgica”, explicou o guitarrista original em material de divulgação.

    Junto a ele uniram-se ainda o vocalista e baixista Alex Kafer , o baterista Alexandre Oliveira e o guitarrista Marcelo Vasco no projeto. A banda já trabalha no EP de estreia “The Rise of Heresy”, com seis faixas e lançamento previsto para o segundo semestre por meio da Blood Blast, subsidiária digital da gravadora alemã Nuclear Blast.

    “O direcionamento e o estilo de composição são típicos do que faziam nos anos 80, com linhas que remetem a músicas como ‘Bestial Devastation’ e ‘Morbid Visions’. O EP trará quatro músicas autorais e duas regravações – ‘Bestial Devastation’ e ‘Troops of Doom’, adiantou Guedz sobre dois clássicos da época em que o Sepultura iniciava carreira em Belo Horizonte, gravando pela Cogumelo Records.

    Mais informações: www.sinnersrockbeer.com.br

    heavymol@hotmail.com

  • Iniciativa conta com diversos apoiadores

    Motorocker em live no Tork ‘n Roll

    Motorocker em live no Tork ‘n Roll

    Informações com Motorocker

    Em parceria com o grupo “Família Camisa Preta”, a banda Motorocker fará uma Live nesta quinta-feira (25 de junho) destinada a arrecadação de alimentos, produtos de limpeza e higiene, em benefício do movimento #salveagraxacwb.
    O #salveagraxacwb, idealizado e organizado pelo grupo “Família Camisa Preta” é um movimento voltado para ajudar os profissionais que trabalham nos bastidores de bandas e grandes eventos de Curitiba e região, como roadies, técnicos de som, luz, vídeo e outros, que em tempo de pandemia e isolamento social, estão sem serviço e sem renda fixa.
    A live será transmitida direto do Tork’n’Roll, pontualmente às 20h do dia 25 de junho e com transmissão exclusiva pelo canal oficial do Motorocker no YouTube.

    www.youtube.com/MotorockerBrasil

    Você pode ajudar as famílias dos profissionais, antes, durante e depois da Live Motorocker. Para maiores informações sobre doações para o Movimento #salveagraxacwba “Família Camisa Preta”, entre em contato pelos telefones/whats

    abaixo:

    Marcio Henryke: 41 – 99828-4295
    Lauro Oliveira – Presidente FCP-CWB/Appte-Pr: 41 – 99577-9856
    Link para doações(dinheiro) via Vakinha:
    http://vaka.me/967358
    Endereço para doações de alimentos, produtos de limpeza e higiene:Live Curitiba – Av Republica Argentina, 4044 (Horário comercial)
    Agradecimento especial a todos os apoiadores:
    Grupo “Familia Camisa Preta”

    https://www.facebook.com/groups/1733022230280057/

    Coice da Mula
    Musica Center
    Rock na Roça Festival
    Nutriterge
    Tork ‘n Roll
    Irmãos Marios
    Live Curitiba
    Mundo Livre FM
    Orion Cymbals
    Ahead Drumsticks & Accessories

    *Atendendo ao decreto 774/2020, o estabelecimento estará fechado ao público na data da transmissão. Todos os cuidados referentes ao Covid-19, serão tomados.

    www.instagram.com/motorocker
    www.youtube.com/MotorockerBrasil
    www.facebook.com/BandaMotorocker

  • Banda mais tradicional do rock paranaense revisita música do estado

    Blindagem prestigia autores paranaenses em novo CD

    Blindagem prestigia autores paranaenses em novo CD

    “Rock Pinhão” é o nome do novo álbum da banda curitibana Blindagem. No CD o grupo valoriza a obra de autores paranaenses como João Lopes e Tatara, que faleceram neste ano, Lápis, Cabelo, Nascimento, Nhô Belarmino e tantos outros, chegando até a Paranauê, de domínio público, em ritmo de rock.

    Com a bela ilustração de Ademir Paixão, o CD já está disponível numa plataforma digital, onde pode ser adquirido. Mas muitas novidades ainda virão, adaptadas a este momento de pandemia em que estamos vivendo.

    Acesse o link https://youtu.be/OpXojo6tMOg. No endereço, os fãs da banda vão conhecer um pouco do novo trabalho.

    E aproveite para fazer a inscrição no canal do youtube da Banda Blindagem para se manter informado.

    “O projeto é uma homenagem. Uma forma de agradecer toda a receptividade que tivemos em mais de 40 anos de banda, falando sobre o Paraná”, argumenta Paulo Juk, baixista do Blindagem.



    Com informações de Luiz Augusto Juk

  • Apresentação foi realizada em 1985 pouco depois do Rock in Rio

    Raridade: Barão Vermelho com Cazuza em Maringá. Escute o show!

    Raridade: Barão Vermelho com Cazuza em Maringá. Escute o show!

    A quarentena continua. E no Paraná as restrições de socialização aumentaram. E com ela não podemos deixar a nossa saudável prática de garimpar na internet preciosidades ao vivo do rock nacional gravadas no estado nas décadas de 80 e 90. Época de ouro do rock brasileiro. E desta vez será uma apresentação em Maringá, no distante ano de 1985.

    Será o registro em áudio quase na íntegra de um show histórico do Barão Vermelho, ainda com Cazuza, no Ginásio Chico Netto.

    Quem sabe um pouco de história recorda-se que 1985 foi ano da consagração do Barão Vermelho no Rock in Rio. Nas duas apresentações que realizaram em janeiro daquele ano, o grupo liderado até então por Cazuza, lançava o álbum “Maior Abandonado”, com o sucesso “Beth Balanço”. Alguns meses depois o cantor sairia para investir na carreira solo, emplacando o hit “Exagerado”.

    Quem acompanhou de perto o show em Maringá comenta que a relação entre Cazuza e os demais integrantes da banda já não era das melhores. No livro “Cazuza: Só as mães são felizes”, de Lucinha Araújo (mãe de Cazuza), o guitarrista Roberto Frejat já relatava a situação.

    “Todo o grupo estava com bronca dele e eu ficava no meio dessa relação. Não deixava ninguém se aproximar do Cazuza para dizer qualquer coisa, preferia fazer a intermediação. (…) Cazuza era muito ferino quando queria esculhambar alguém. Ele destruía mesmo. Depois da briga, tínhamos ainda mais dois shows para fazer no Sul, Cazuza alegou ser um profissional e prometeu cumprir sua tarefa. Foram dois shows horrorosos, em Londrina e Maringá. O clima ficou tenso, insuportável.”, diz Frejat.

    No Paraná, o Barão Vermelho também tinha se apresentado na mesma época em Curitiba, onde ocorreu uma das mais famosas brigas entre Cazuza e Frejat.

    Quem assistiu os shows do Rock In Rio percebeu que a apresentação realizada em Maringá segue um set list muito semelhante. Os grande sucessos como “Maior Abandonado”, “Todo Amor Que Houver Nessa Vida”, “Beth Balanço”, “Mal Nenhum (em que cita a coautoria com Lobão), “Menina Mimada”, “Um Dia Na Vida (que foi gravada no ano seguinte já sem Cazuza) e “Pro Dia Nascer Feliz”.

    “Valeu Maringá. Agora uma música chamada ‘Sem Vergonha’, para quem aqui não tem vergonha na cara”, disse um provocador Cazuza em um dos seus últimos shows ao lado do Barão Vermelho.

    Set List:
    01- Milagres
    02- Sub-Produto de Rock
    03- Sem Vergonha
    04- Todo amor que houver nessa vida
    05- Baby Suporte!
    06- Por aí
    07- Um dia na vida
    08- Rock’n Geral
    09- Bete Balanço
    10- Mal Nenhum
    11- Não amo ninguém
    12- Por que a gente é assim?
    13- Maior Abandonado
    14- Narciso
    15- Menina Mimada
    16- Pro dia nascer feliz

    Confira o áudio na íntegra, disponível pelo canal de fãs “Codinome Cazuzeiros”:


    https://www.youtube.com./watch?v=sgIIgU8d3AU

  • Data no Paraná homenageia cantor André Matos, falecido há um ano

    08 de junho de 2020: O primeiro "Dia Estadual do Heavy Metal"

    08 de junho de 2020: O primeiro "Dia Estadual do Heavy Metal"

    Nesta segunda-feira (08 de junho de 2020) completa-se o primeiro ano de morte do cantor, compositor e maestro brasileiro André Matos. Há um ano, o falecimento deste expoente do heavy metal mundial, que contribuiu de maneira significativa com a fundação de grupos brasileiros como Angra, Shaman e Viper, comoveu os fãs e admiradores do estilo.

    Tal foi a comoção que inúmeros fãs assinaram um documento via internet pedindo que fosse criado o "Dia do Heavy Metal", a ser comemorado no dia 08 de junho, data da morte do cantor.

    O que poderia ter sido só uma ideia ou homenagem se tornou realidade. Ao reconhecer o papel de André Matos não só no heavy metal brasileiro como também mundial, alguns estados apresentaram projetos de Lei para criar a data comemorativa. Nunca é demais recordar que a música do maestro chegou em países europeus, Estados Unidos, Japão, da América do Sul e outros.

    No Paraná, por exemplo, o projeto já se tornou Lei. De autoria do deputado estadual Douglas Fabrício (CIDADANIA), a proposta foi aprovada pela Assembleia Legislativa do Paraná e sancionada pelo governador Carlos Massa Ratinho Júnior, já com o número 20175 e  publicada no Diário Oficial no dia 08 de abril.

    Com a Lei, o "Dia Estadual do Heavy Metal" poderá ser comemorado no Paraná pela primeira vez. Na justificativa do projeto, o estado reconhece a carreira vitoriosa de André Matos não só no Brasil como no exterior, levando a cultura nacional para os quatro cantos do mundo.

    É oportuno que a tal data seja comemorada no Paraná por ser um estado com muitos adeptos do estilo. Além de abrigar inúmeras bandas e músicos do gênero, o estado é rota dos maiores shows de heavy metal e de rock do mundo. A Pedreira Paulo Leminski, localizada em Curitiba, já emprestou seu palco para shows históricos como AC\DC, Ramones e Sepultura, Iron Maiden, Kiss, Black Sabbath, Motorhead, Judas Priest, Scorpions, Whitesnake, Europe, Bon Jovi, Guns 'n' Roses, Alice In Chains, Pearl Jam e outras.

    Algumas bandas internacionais já chegaram a gravar álbuns ao vivo na capital paranaense, como é o caso do Iron Maiden que registrou em 2008 a canção "The Clairvoyant" na Pedreira Paulo Leminski para o DVD "Flight 666" e o Nazareth, que gravou um show inteiro ao vivo para o DVD e CD, "Live In Brazil".

    Vale ainda dizer que a cena não é composta somente de grandes shows em grandes espaços. A capital do Paraná apresenta inúmeros bares e espaços culturais em que as pessoas podem prestigiar um bom heavy metal e um bom hard rock. Casas como Crossroads, Hard Rock Cafe Curitiba, Blood, Claymore Highway, Sebas, Sheridans Pub, Tork 'n' Roll, Hangar Bar, Bom Scotch Bar e outras recebem diversas bandas e realizam festivais durante todo o ano.

    Assim como o "Dia Internacional do Rock N Roll" que é comemorado em Curitiba no dia 13 de julho por diversos bares e casas noturnas, mobilizando os setores de gastronomia e turismo com inúmeros shows e eventos, o "Dia Estadual do Heavy Metal" também poderá ser mais uma importante data no calendário cultural do estado.

    Apoios

    Vale mencionar que para o "Dia Estadual do Heavy Metal" se tornar lei no Paraná foram necessários apoios e mobilização de fãs e admiradores do estilo.  Após apresentar o projeto na Assembleia Legislativa em 2019, o deputado Douglas Fabrício participou das comemorações do "Dia Mundial do Rock" no Angra Friends, realizado no no dia 13 de julho de 2019 em São Paulo, a convite do então empresário Paulo Baron, do Angra e Shaman (ex-bandas do André Matos), onde conheceu o guitarrista Rafael Bittencourt (líder do Angra).

    Na ocasião, o parlamentar recebeu apoio dos músicos e do empresário, que destacou a importância da iniciativa para valorização do rock e da cultura brasileira. Ao saber da iniciativa, o empresário Paulo Baron se tornou um importante aliado na divulgação e participação do projeto de Lei. Ele entende que é uma data de grande importância para comemorar o heavy metal no Brasil e na América do Sul.

  • Ícone do Heavy metal brasileiro e mundial receberá homenagens

    Um ano sem André Matos: Cantor terá livro e documentário

    Um ano sem André Matos: Cantor terá livro e documentário

    Na próxima segunda-feira (08 de junho) vai completar o primeiro ano de morte do cantor, compositor e maestro André Matos. Ícone do heavy metal nacional e internacional, que fundou importantes bandas como Viper, Angra e Shaman, o músico receberá homenagens em livro e filme.

    Autorizadas as obras vão celebrar trajetória e vida do músico brasileiro que levou a cultura nacional para diversos países do globo. Em documentário, o filme “Maestro do Rock” vai mostrar momentos inéditos do vocalista desde a infância até alcançar o sucesso mundial.

    O diretor Anderson Bellini e o produtor Thiago Rahal Mauro lançaram recentemente as redes sociais do documentário. Os produtores pedem para que os fãs se inscrevam no canal do YouTube (https://bit.ly/3gGuSSF) para receber o trailer em primeira mão. As redes sociais serão abastecidas de acordo com o cronograma oficial.

    Em homenagem ao cantor, e equipe preparou um videoclipe da música “I Will Return” (https://youtu.be/SRYyG_TKxXk), faixa do álbum “Mentalize”, de 2009, com cenas inéditas da época.

    Livro

    Para ter lançamento oficial no fim de novembro deste ano, a editora Estética Torta anunciou a obra ANDRE MATOS: O MAESTRO DO HEAVY METAL, o primeiro e único livro dedicado à vida e carreira de Andre Matos. A biografia é oficial e apoiada pela família do cantor. A editora destaca que o livro já pode ser reservado pelos fãs, com 30% de desconto e brindes exclusivos.

    Além de uma extensa e detalhada pesquisa sobre centenas de entrevistas dadas por Andre Matos a revistas, jornais, sites, TVs e rádios ao longo das últimas três décadas, os autores entrevistaram pessoas bastante íntimas e próximas a Andre.

    Recheado com fotografias raras jamais vistas, vindas do acervo pessoal da família do músico, e lançado em edição de luxo com capa dura, em ANDRE MATOS: O MAESTRO DO HEAVY METAL, os fãs terão em suas mãos o tributo definitivo sobre a história de Andre Matos e sua surpreendente carreira.

    Os fãs que adquirirem o livro no mês de junho receberão o livro numerado, juntamente com um certificado especial. Todos que comprarem durante a pré-venda receberão como brinde pôster e marcadores de página exclusivos.

  • Trabalho acompanha lançamento de novo álbum

    Semblant: saga em quadrinhos da banda curitibana sairá pela editora Darkside

    Semblant: saga em quadrinhos da banda curitibana sairá pela editora Darkside

    Informações com Assessoria de Imprensa

    O grupo curitibano Semblant lançou este ano seu último álbum, Obscura, pela gravadora italiana Frontiers Records. Mas as novidades para os fãs não param por aí: a banda anunciou oficialmente para o dia 20 de julho o lançamento de sua saga em quadrinhos, chamada ‘Semblant: Blood Chronicles‘, pela editora Darkside Books.

    Concebida e escrita pelos autores André Meister e o vocalista da Semblant, Sergio Mazul, o lançamento está rodeado de grandes expectativas tanto no mundo literário quanto no cenário musical, pois é a primeira vez que uma banda de Metal brasileira tem um lançamento desta proporção no mundo dos quadrinhos:

    “É um grande passo para qualquer banda, ter uma saga inteira em quadrinhos sendo publicada. Criar um universo tão vasto a partir de nossas letras, para fãs de Metal e quadrinhos como o André e eu somos, fluiu naturalmente e atingiu uma proporção enorme. A edição está absolutamente linda, com toda a qualidade e primor gráfico típicos da editora Darkside, que lançou cinebiografias e clássicos no Brasil com a melhor qualidade do mundo: Dracula, Frankenstein, O Médico e o Monstro, Lovecraft, Sexta-Feira 13 e tantos outros ícones do horror e da literatura fantástica“, revela Sergio, vocalista.

    André, que além de escrever, ilustrou todo o material, diz: “Reunimos nessa obra, uma mistura das pinceladas agressivas com a música intensa do heavy metal em um conto de horror e ação que leva a humanidade ao seu limite. Fizemos uma história com significado profundo, intenso, que trará o leitor a uma experiência nunca antes vista ao ler as páginas enquanto escuta a música que inspirou a obra. É um projeto que reúne fãs de heavy metal, quadrinhos e games, pensando especialmente na paixão nutrida pelo publico Brasileiro“.

    A criação da saga foi introduzida nas 2 últimas edições do maior evento de cultura pop no mundo, a Comic-Con Experience (CCXP), que em sua última edição (2019) reuniu 250 mil pessoas.

    A pré-venda de ‘Semblant: Blood Chronicles’ já está acontecendo e garante, além do preço especial, um pôster autografado em tamanho grande com uma arte exclusiva da obra; compras na loja da editora a partir de R$ 149 tem frete grátis para todo o território nacional.

    Inicialmente, o material teria saído no mês de maio, mas a pandemia de Covid-19 trouxe inúmeros percalços como paralisações e mudanças de cronograma de gráficas, empresas de logística e distribuição, bem como o acesso restringido à livrarias físicas.

    Você pode adquirir a edição, no link www.darksidebooks.com.br/semblant-blood-chronicles-drkx.

    Sinopse
    O diálogo entre o metal, em seus diversos estilos, o terror e as histórias em quadrinhos é algo bastante difundido no universo pop, pois são imaginários com pontes de contato. Claro, pontes estreitas e assustadoras! A DarkSide® Books, os autores André Meister e Sergio Mazul e a banda Semblant selam um pacto para contar uma história milenar que vai direto na veia dos fãs de metal e de terror. Semblant: Blood Chronicles conta três histórias: um caçador em fuga após um vampiro arrancar toda a família de sua vida; o conto de um herói mascarado em busca de sua identidade; e a história de um regente apaixonado em busca da glória de seu povo. Uma tríade sanguinária repleta de magia e ancestralidade.

    Surgido como um presente da banda Semblant para seus fãs – o roteiro é de autoria de um dos fundadores da banda, o vocalista Sergio Mazul, em parceria com o artista André Meister –, o álbum de história em quadrinhos acabou se tornando a semente de um universo gigantesco, com vampiros necromantes, assombrações, guerra entre tribos de caçadores e a ameaça de entropia de uma entidade que não deveria existir.

    Informações
    – site oficial e loja online: www.semblant.com.br
    – loja online: www.darksidebooks.com.br
    – portifolio online: www.andremeister.com

  • Saiba como acompanhar show da ex-banda de André Matos

    Shaman fará live com grande estrutura no dia 07 de junho

     Shaman fará live com grande estrutura no dia 07 de junho

    Com tecnologia de última geração de som e imagem, além de um cenário e efeitos especiais preparados exclusivamente para o evento, a banda SHAMAN fará uma live no dia 7 de Junho, a partir das 18h.

    A banda estará com sua formação completa, e promete tocar seus clássicos ao vivo. Vale dizer que dia 07 de junho é véspera de aniversário de um ano de falecimento do cantor André Matos, que fundou e liderou o Shaman após ter saído do Angra.

    A produção do evento, que será realizada pela Free Pass, ressalta que a banda fará testes de Covid 19 e que adotará os mais criteriosos protocolos de segurança para preservar a saúde e integridade de todos os envolvidos.

    A apresentação será transmitida online e ao vivo pelo canal do YouTube do baixista Luís Mariutti.

    Informações com Assessoria de Imprensa


    Mais informações: www.sinnersrockbeer.com.br

    heavymol@hotmail.com

  • Quem doar 2 kg de alimentos não perecíveis, ganha 1L de chope

    We Are Bastards faz live com arrecadação de alimentos em troca de chope

    We Are Bastards faz live com arrecadação de alimentos em troca de chope

    Informações com Assessoria de Imprensa


    Transmissão ao vivo ocorre no domingo (24), a partir das 18h. De sexta a domingo, quem doar 2 kg de alimentos não perecíveis, ganha 1L de chope

    Neste domingo (24), a partir das 18h, o We Are Bastards Pub realiza sua primeira live ao vivo, diretamente do palco do pub, promovendo arrecadação de alimentos e sorteios especiais durante o evento. A transmissão será exibida pelo canal oficial do Youtube e no Facebook.

    Com a apresentação de Alessandro Reis, co-fundador do We Are Bastards Pub, a live contará com apresentações musicais dos grupos Lenhadores Trio e Duo & Famiglia, com um repertório que promete passar pelos grandes sucessos do folk, rock e pop em formato acústico.

    Durante o evento, ocorrerão desafios especiais entre as bandas, com provas de conhecimento sobre o universo cervejeiro, drinks as cegas, entre outros, além de sorteios de kits com comidas e bebidas, e até, alguns itens da marca Bastards. Os ganhadores receberão o prêmio no próprio domingo, via delivery.

    “Queremos matar a saudade da nossa casinha e, para isso, nada melhor do que uma transmissão direta do nosso palco, com muita música boa, o alto astral de sempre, e também arrecadando alimentos para quem mais precisa”, comenta Alessandro Reis.

    Arrecadação de Alimentos e agasalhos

    De sexta-feira (22) a domingo (24), das 13h às 21h, o We Are Bastards Pub ainda estará promovendo a arrecadação de alimentos. Quem doar 2 kg de alimentos não-perecíveis, ganha um growler pet com 1L de chope da Bastards Brewery.

    “Nós vamos arrecadar alimentos para o projeto Do Sofá pra Rua, que distribui marmitas pra quem mais precisa. Também vamos manter um posto de arrecadação de cobertores e agasalhos durante toda a semana, pois todos nós sabemos como o inverno de Curitiba pode ser bem rigoroso”, complementa Reis.

    Drive Thru e Delivery

    As operações de Drive Thru e Delivery que normalmente funcionam de quarta a sábado das 13h às 21h, vão estar em funcionamento também no dia do evento, durante o horário da live, então os clientes podem buscar chope artesanal e petiscos pra curtir a festa de casa. No cardápio de bebidas, chopes especiais da linha Bastards, como Willie The Bitter, uma American Pale Ale; Dog Save The Beer, uma Session Ipa, entre outros, disponíveis em Growlers descartáveis de 1L, por valores a partir de R$20 e chopes convidados de outras cervejarias. Alguns petiscos tradicionais da casa como Risotoball, Pork n’ Chips e X-treme Bacon também estão no cardápio.

    O We Are Bastards Pub fica localizado na Av. Iguaçu, 2300 – Água Verde. Mais informações pelas redes sociais : @wearebastardspub



    Serviço:
    “Live We Are Bastards”
    Data: domingo (24/5)
    Horário: das 18h às 22h
    Atrações musicais: Famiglia & Duo e Lenhadores Trio
    Canal oficial do Youtube: https://www.youtube.com/channel/UC8qaxLWJlYCK0foNzg8TEXA
    Perfil oficial Facebook: https://www.facebook.com/WeAreBastardsPub
    Instagram: @wearebastardspub

  • Espaço cultural vai oferecer toda a segurança que a conjuntura atual exige

    Curitiba inaugura primeiro espaço aberto de cultura e lazer do sul do Brasil

    Curitiba inaugura primeiro espaço aberto de cultura e lazer do sul do Brasil

    Da Assessoria de Imprensa

    O isolamento social devido ao coronavírus atingiu em cheio o setor de cultura e entretenimento que repentinamente teve que adiar shows, festas, festivais e outros eventos culturais.

    Além dos reflexos econômicos, o isolamento está provocando problemas emocionais em muitas pessoas que não encontram uma alternativa segura de lazer. Para amenizar essa situação, surge uma nova possibilidade de entretenimento com toda segurança e normas de proteção que o momento exige.

    Com mais de 20 anos de experiência no setor, a Live Curitiba está lançando um programa de eventos culturais em espaço aberto, o Somos+Curitiba. Um local para ofertar entretenimento onde as pessoas assistirão, de dentro de seus carros, a filmes, lives, stand-up comedy, reprises de jogos de futebol e shows que acontecerão no palco da Live Curitiba com transmissão simultânea em um telão externo de 80 metros quadrados, com led para apresentações diurnas e noturnas.

    Todo o espaço será ambientado com luzes e temas de acordo com a atração tornando o evento uma grande experiência. O áudio das exibições chega até os carros via rádio FM.

    Serão eventos diários diurnos e noturnos. As sessões da tarde serão mais voltados às famílias com crianças e algumas sessões com cunho social para arrecadação de alimentos e outros itens para entidades que ajudam pessoas carentes que estão sofrendo por conta do coronavírus. Os profissionais da Saúde serão beneficiados com algumas sessões exclusivas e terão direito a Combos de Pipoca.

    A inauguração do Somos+Curitiba acontece no dia 28 de maio (quinta-feira) com exibições de filmes que marcaram história no cinema; “Meu Malvado Favorito” (16h), “The Post – A Guerra Secreta” (19h) e Cassino (21h50) . A programação completa está no site www.somosmaiscuritiba.com.br

    Os ingressos serão vendidos exclusivamente pela internet no site: www.diskingressos.com.br a partir do dia 21 de maio e a programação está disponível no www.somosmaiscuritiba.com.br

    Localizado na Live Curitiba, no Portão, o Somos+Curitiba terá 100 banheiros e quatro saídas para dar mais tranquilidade, conforto e segurança ao público.

    As normas e os cuidados

    SOMOS+CURITIBA realizou, e mantém atualizado, um consistente estudo técnico sobre todos os riscos envolvidos no processo, de modo a garantir a segurança de colaboradores e de participantes dos eventos e atividades culturais que serão realizadas.

    1. No mesmo veículo somente pessoas que moram juntas;
    2. Todos os participantes devem usar máscaras, durante todo o período em que estiverem no local;
    4. É proibido sair dos veículos, salvo no caso de necessidade de uso de banheiro, o que ocorrerá de acordo com as normas estabelecidas;
    3. Os veículos devem ser estacionados nos locais indicados, guardando o distanciamento mínimo necessário;
    4. Em caso de necessidade os colaboradores da LIVE CURITIBA devem ser chamados com o uso das lanternas de alerta dos veículos.

    Serviço

    Somos+Curitiba – Rua Itajuba 123 – Bairro Portão

    www.somosmaiscuritiba.com.br

    Vendas Ingressos

    https://www.diskingressos.com.br

  • Banda lança "Basement Books" nas redes sociais

    Orquestra Sem Fim disponibiliza nova canção no Youtube

    Orquestra Sem Fim disponibiliza nova canção no Youtube

    Formada por integrantes de bandas seminais da música curitibana, como Contrabanda, Beijo AA Força, Opinião Pública, ZiriGdanski e Maxixe Machine, a Orquestra Sem Fim disponibilizou um novo vídeo-clipe no Youtube.

    O grupo divulga atualmente a nova canção “Basement Books”. Veja:

    BASEMENT BOOKS


  • Bicho do Paraná morreu nesta segunda-feira

    Paraná perde João Lopes. Escute parceria do compositor com o Blindagem

    Paraná perde João Lopes. Escute parceria do compositor com o Blindagem

    Nesta segunda-feira (18 de maio), morreu o cantor João Lopes. Expoente do rock rural no estado, compôs “Bicho do Paraná”. Uma espécie de hino informal do Paraná, que tocou bastante na década de 1980.

    Vítima de câncer, João Lopes foi revelado pela banda Blindagem no fim da década de 1970. A parceria dele com a principal banda de rock no Paraná resultou na canção “O Homem e a Natureza”.

    Escute nesta bela gravação do Blindagem ainda com o falecido cantor Ivo no show realizado no Teatro Guaíra ao lado de orquestra, disponibilizada pelo canal CWB Music:

    Blindagem em composição de João Lopes


  • Kadu Lambach em canções de Renato Russo e a origem da banda

    Cofundador da Legião Urbana em live do Sheridans Irish Pub

    Cofundador da Legião Urbana em live do Sheridans Irish Pub

    O guitarrista Kadu Lambach, que tocou com a Legião Urbana e foi cofundador do grupo ao lado do Renato Russo e do baterista Marcelo Bonfá, participará de uma live promovida pelo Sheridans Irish Pub nesta quinta-feira (14 de maio) às 21 horas, no instagram sheridansirishpub. Chamada “Origem Legião” , a live será conduzida pelo jornalista André Molina e vai abordar os primeiros anos do grupo, quando Kadu Lambach era conhecido como Eduardo Paraná.

    Era o ano de 1982 quando a Legião Urbana realizou o importante primeiro show em Patos de Minas e foi presa ao executar canções como “Música Urbana 2”. Vale recordar que nesta época o Brasil ainda passava pelo regime militar.

    Na ocasião da live, o músico também vai apresentar algumas canções legionárias, incluindo diversas fases.

    Trajetória

    Kadu Lambach participou da fundação da Legião Urbana ao lado do Renato Russo pouco tempo depois de a banda embrionária do punk rock de Brasília, Aborto Elétrico, chegar ao fim. O músico participou das primeiras canções da Legião em ensaios, além de presenciar o início das atividades de grupos como Capital Inicial e Plebe Rude. Chegou a tocar em importantes shows em Brasília, como o da abertura da banda Blitz, que chegava ao auge, no início da década de 1980.

    Após este período, Kadu decidiu investir na carreira de músico ao graduar-se na UNB e optar pela música instrumental, como o jazz. Foi sideman de nomes da MPB como Belchior e Tunai. Recentemente, Kadu Lambach participou da gravação do DVD de Tunai, que gravou antes de falecer, ainda inédito.


    Mais informações: www.sinnersrockbeer.com.br

    heavymol@hotmail.com

  • Apresentação contou ainda com Arnaldo Antunes

    Show do Titãs clássico em Curitiba, no Aeroanta. Ouça!

    Show do Titãs clássico em Curitiba, no Aeroanta. Ouça!

    E a quarentena continua. E com ela o nosso saudável exercício de garimpar na internet preciosidades ao vivo do rock nacional gravadas em Curitiba nas décadas de 80 e 90. Época de ouro do rock brasileiro.

    Nesta segunda-feira (11 de abril) disponibilizamos arquivo do Youtube com um clássico show dos Titãs realizado em 1992 no extinto Aeroanta. Vale dizer que nesta época, o grupo contava com a sua clássica formação na íntegra com Tony Bellotto (guitarra), Branco Mello (voz), Sérgio Britto (voz e teclado), Paulo Miklos (voz e sax), Marcelo Frommer (guitarra), que infelizmente faleceu atropelado no início da década de 2000, Charles Gavin (bateria), Nando Reis (baixo e voz) e Arnaldo Antunes (voz).

    A turnê era do visceral álbum “Tudo Ao Mesmo Tempo Agora”: o último com Arnaldo Antunes nos vocais. Quem acompanhava a banda na época, lembra-se que no fim da década de 1980 Arnaldo Antunes chegou a assumir uma certa liderança no grupo. Status criado mais pela imprensa cultural do que pela banda, já que o grupo tinha participação igualitária entre os nove membros. Característica que dava prestígio e charme à banda.

    O “Tudo Ao Mesmo Tempo Agora” também foi considerado até então o disco mais pesado do grupo com letras agressivas e até escatológicas. Ao lançar o álbum, vale recordar que a banda fez um grande show ao lado dos Paralamas do Sucesso no festival Hollywood Rock em São Paulo e Rio de Janeiro, chegando a superar atrações internacionais como Seal e Jesus Jones.

    Ao conferir o set list da banda é fácil perceber o quanto o estilo era pesado. Só tijoladas como Igreja, Lugar Nenhum, Saia de Mim (música de trabalho do álbum), Isso para mim é perfume, Polícia, Massacre e até a desconhecida “A Face do Destruidor”, do “Cabeça Dinossauro”.

    O show foi transmitido pela extinta rádio Alternativa.

    SHOW TITÃS CURITIBA 1992 OUÇA AQUI

    Set list

    Clitóris
    Agora
    Saia de mim
    Lugar Nenhum
    Igreja
    Obrigado
    Uma coisa de cada vez
    A Face do destruidor
    Diversão
    Isso para mim é perfume
    Não é por não falar
    Polícia
    Filantrópico
    Flat-Cemitério-Apartamento
    Nome aos bois

    Homem Primata
    Marvin
    Massacre

    Mais informações: www.sinnersrockbeer.com.br

    heavymol@hotmail.com

  • Live desta quinta-feira lançará música “Estacas”. Escute!

    Em quarentena, músicos do Finis Africae e Beijo AA Força compõem nova canção

    Em quarentena, músicos do Finis Africae e Beijo AA Força compõem nova canção

    Em época de pandemia do coronavírus sobra bastante tempo livre para quem permanece em casa, praticando o isolamento. E é nesta conjuntura que alguns músicos de Brasília, de Curitiba e poetas compartilharam ideias e começaram a compor. Em mais de um mês de quarentena, os primeiros trabalhos começam a surgir.

    O primeiro rascunho da primeira canção apareceu pouco antes da pandemia. Em um dos encontros semanais que aconteciam no tradicional bar Gostinho da Tetê, localizado no Alto da XV, antes destes estranhos dias.

    Quase um anfitrião do botequim, o poeta Sergio Vira Lobos (Orquestra Sem Fim e Beijo AA Força) apresentou algumas palavras para o músico Ferreira (Beijo AA Força e Maxixe Machine), que já fez parte de tradicionais bandas curitibanas. E para completar, os curitibanos conheceram mais um novo membro da Turma da Tete: Eduardo de Moraes, recém chegado à capital paranaense, que na década de 1980 se tornou vocalista da cultuada banda brasiliense, Finis Africae: aquela da canção “Armadilha”, que invadiu os rádios brasileiros e os programas de auditório, como o Cassino do Chacrinha.

    Com as atividades paralisadas no Bar da Tete, o jeito foi fechar a canção em casa mesmo, com troca de arquivos durante a quarentena em um projeto que assumiu o nome desta primeira música: Estacas, “um nome que crava no coração”, segundo Ferreira.

    E o resultado foi satisfatório. O trabalho em conjunto do rock das araucárias com o rock de Brasília contou ainda com o trecho de uma poesia de Thadeu Wojciechowski . Com gravações realizadas no Alto da XV, Cabral e Bigorrilho, a canção já está pronta e será lançada neste dia 07 de maio, às 17h15 em link a seguir do Youtube. Enquanto isso, veja no primeiro vídeo como esta parceria aconteceu nas entranhas de Curitiba:

    Veja aqui compositores falando sobre “Estacas”

    ESCUTE AQUI “ESTACAS” ÀS 17H15 DIA 07\05

  • Show lançou o disco "Que País é Este"

    Show da Legião Urbana em Curitiba, no Tarumã, disponível no Youtube. Ouça!

    Show da Legião Urbana em Curitiba, no Tarumã, disponível no Youtube. Ouça!

    Nesta época de pandemia do Coronavírus é inevitável deixar de garimpar música, arquivos raros e vídeos de bandas e cantores que admiramos na internet. E em uma destas sessões de “garimpo” encontrei a gravação quase na íntegra de um show da Legião Urbana, em 1988, no Ginásio do Tarumã, em Curitiba.  Quem teve a iniciativa de publicar foi a comunidade “Arquivo Legião”, especialista em encontrar raridades do Renato Russo entre os fãs.

    Que eu lembre ainda na pré-adolescência, a banda do Renato Russo ainda se apresentou em 1990, em Curitiba, no pavilhão do Parque Barigui, para lançar o álbum “As Quatro Estações” e, também, em 1984 na Fabrica. Mas estas são outras histórias.

    Nesta apresentação do Tarumã, a banda estava promovendo o polêmico álbum “Que País é Este”. Na época, além de Renato Russo, a banda contava com Dado Villa Lobos (guitarra), Marcelo Bonfá (bateria) e o baixista Renato Rocha, que sairia pouco tempo depois.

    Quem acompanhou a trajetória do grupo pode constatar que a turnê do “Que País é Este” foi a de atmosfera mais pesada da banda, resultando em confusão com a polícia no show realizado em Brasília. Em seguida, Renato Russo optou por um trabalho mais espiritual e menos punk, em “As Quatro Estações”.

    Canções como a faixa título, “Conexão Amazônica”, “Tédio (com um T bem grande pra você), “Química”, ” Geração Coca Cola” “Ainda é Cedo”, “Faroeste Caboclo”, estão na gravação e demonstram que o set list foi uma tijolada. Uma raridade que registra uma das passagens históricas da banda na capital paranaense.

    O arquivo ainda demonstra o curioso ingresso da apresentação imitando uma nota de dólar e expondo as informações necessárias como o preço CZ$ 800,00 (oitocentos cruzados), data 09 de julho e horário 21h00.

    Setlist

    Que País É Este
    Quase Sem Querer
    Conexão Amazônica
    O Reggae
    A Dança
    Daniel na Cova dos Leões (incompleto)
    Ainda é Cedo
    Tédio (Com um “T” bem grande pra você)
    Química
    Geração Coca – Cola
    Faroeste Caboclo
    Angra dos Reis
    Tempo Perdido
    Soldados
    Índios
    Será

    Confira na postagem do “Arquivo Legião” (Comunidade de fãs de raridades do Renato Russo):

    OUÇA AQUI SHOW LEGIÃO NO TARUMÃ

  • "A doença é pesada. Fique em casa", afirma vocalista

    Capital Inicial faz Live com Dinho curado da COVID-19. Assista!

    Capital Inicial faz Live com Dinho curado da COVID-19. Assista!

    Neste domingo (03 de maio), a banda brasiliense Capital Inicial fez no seu canal do Youtube a maior Live de um grupo brasileiro de rock, nesse período de pandemia do Coronavírus, até o momento. Com aproximadamente três horas e meia de duração e mais de 1,2 milhão de views, a apresentação contou com os quatro membros: Dinho Ouro Preto (vocalista), Fê Lemos (baterista), Flávio Lemos (baixo), Yves Passarell (guitarra), além de músicos de apoio em palco, com telão e estrutura utilizada em shows.

    Canções dos primórdios da banda Aborto Elétrico, fundada por Renato Russo, como “Música Urbana”, “Fátima”, “Que País É Este” e “Veraneio Vascaína” se misturaram com sucessos do Acústico MTV como “Tudo Que Vai”, “Eu Vou Estar” e “Primeiros Erros”, além de músicas mais recentes.

    Na ocasião, Dinho desabafou que o ano de 2020 seria dedicado para a realização de uma longa turnê em comemoração aos 20 anos do álbum “Acústico MTV”, o mais vendido da história da banda. “Foi o álbum que colocou nossa carreira em outro nível, mas infelizmente não sabemos se vamos voltar a fazer shows neste ano. Pelo jeito esta turnê poderá ficar só para 2021”, disse.

    O vocalista ainda aproveitou para falar como foi sua experiência ao contrair o novo coronavírus. “É uma doença pesada. Foi uma martelada. Fique em casa. Aqui em São Paulo percebemos que as pessoas estão relaxando no isolamento. Isso não pode acontecer. Há previsão para piorar”, argumentou.

    Ao citar o COVID-19, cantou a canção, “Melhor do que ontem”.

    Com clima intimista, a Live ainda contou com covers do The Clash e Oasis e uma brincadeira com “Bohemian Rhapsody”, do Queen.

    Dinho Ouro Preto ainda disse que artistas e músicos estão tendo que se adaptar e se reinventar neste período de pandemia.

    “Em confinamento forçado esperamos que surjam composições boas com todos músicos em casa. É um período que pode ser fértil do ponto de vista da criação”, disse.


    Assista a live:

    Live Capital Inicial



  • Quarentena inspira encontrar canções perdidas e novas músicas

    Em época de pandemia, Oasis e Scorpions soltam canções inéditas. Ouça!

    Em época de pandemia, Oasis e Scorpions soltam canções inéditas. Ouça!

    Duas grandes bandas do rock mundial aproveitaram o momento de quarentena que acontece no mundo devido a pandemia do coronavírus para soltar canções inéditas no Youtube.

    A extinta Oasis, representada então por Noel Gallagher, lançou a semi-acústica “Don’t Stop”, que já começa a ser curtida nas redes sociais com um tradicional refrão pegajoso. A canção está disponível no canal oficial da banda desde a última meia noite.

    Noel afirmou que encontrou a demo em casa e que nunca foi lançada . Com o período de quarentena , o músico explorou sua coleção de Cds e encontrou a canção.

    “Por obra do destino, encontrei uma demo antiga que eu achei que havíamos perdido para sempre. Até onde eu sei, só existe uma outra gravação dessa música, de uma passagem de som em Hong Kong há cerca de 15 anos?”, afirmou Noel.

    A gravação seria de 11 anos atrás.

    Ouça:

    Don’t Stop Oasis

    Já os alemães do Scorpions, banda em atividade há quase 50 anos, divulga desde a última quarta-feira (29 de abril) a
    nova música “Sign of Hope” (sinal de esperança), devido a pandemia do novo coronavírus. A balada lembra um pouco a consagrada “Wind Of Change”, que ficou famosa no mundo todo na época da queda do Muro de Berlim.

    “Estamos trabalhando em muitas músicas hard n’ heavy rockers para nosso novo álbum ultimamente, mas por causa dessa pandemia dramática de Covid-19, queremos dar a vocês um pequeno sinal de esperança que vem direto dos nossos corações em tempos difíceis”, afirma o grupo.

    Segundo o vocalista, Klaus Meine, a banda lançará álbum novo em 2021.

    Ouça:

    https://www.youtube.com/watch?time_continue=3&v=C_G8d2n4yFg&feature=emb_logo

Quem faz o blog

DESTAQUES DOS EDITORES