Publicidade
Poema japponês

Alunas da rede estadual do Paraná vencem prêmio internacional de haicai

Alunas da rede estadual do Paraná vencem prêmio internacional de haicai
(Foto: Divulgação/Assessoria de Imprensa)

As estudantes da rede estadual de ensino Nicole Plens Santana, 15 anos, e Gabrielle Venuka de Oliveira Moraes, 14 anos, estão entre os vencedores da 15° edição do concurso de haicai World Children’s Haiku Contest, promovido pela Jal Fundation, no Japão, e organizado, no Brasil, pelo Grêmio Ipê de Haicai. Além dos poemas, as alunas produziram ilustrações com o tema “Seres Vivos”.

Os poemas e as ilustrações feitas por Nicole e Gabrielle foram selecionados entre 741 produções de alunos da rede pública e particular de todo Brasil. Na etapa internacional cada país participante teve 25 poemas e ilustrações escolhidas que serão publicadas em uma coletânea em português, japonês e inglês.
Os trabalhos foram produzidos em duas aulas com orientação do professor de Língua Portuguesa, Emerson Corso, no Colégio Estadual Shirley Catarina Tamalu Machado, em São José dos Pinhais, na Grande Curitiba.

“Não esperava esse resultado, porque foi a primeira vez que participei, mas foi um desafio muito grande. Fiz três poemas e um deles foi o escolhido”, disse Gabrielle. “O Haicai não é um poema simples como parece, precisa de muita dedicação, técnica e inspiração”, afirmou a aluna que participou pela primeira vez do concurso.
Nicole participou de outras edições do concurso. No ano passado ela ficou em primeiro lugar na 10° edição do concurso Prêmio “Masuda Goga”, na categoria juvenil (para alunos com idade até 15 anos). “No começo, quando conheci o haicai, achei meio sem sentido, mas agora acho muito interessante porque pegamos o tema, começamos a escrever e a inspiração aparece”, contou a estudante. “Me chamou a atenção a maneira como podemos criar um poema de forma simples, mas ao mesmo tempo tão bonito”, disse.

As duas estudantes foram premiadas com cerificados e kits para produção de haicais e ilustrações.

APRENDIZADO - Composição de rima, métricas, história e técnicas de produção dos poemas em haicai são alguns dos conteúdos trabalhados pelos alunos do colégio na aula de Português desde 2014. Segundo Emerson Corso, a premiação é consequência da dedicação dos estudantes, mas o objetivo principal é trabalhar valores por meio das técnicas de haicai.

“Os alunos aprendem a registrar momentos vivenciados em apenas três linhas, com o mais importante. Eles aprendem também a ter disciplina, respeitar o próximo e a natureza porque a pessoa que tem contato com poesia se sente muito melhor porque convive com esses valores que estão um pouco esquecidos em nossa sociedade”, disse o professor.

Segundo Corso, a prática do haicai, independente do resultado em concursos, teve influência na mudança de comportamento dos alunos. “Percebemos mudanças positivas no comportamento e amadurecimento dos nossos alunos, que se tornaram mais responsáveis, comprometidos e menos materialistas”, disse.

HAICAI - O haicai ou haiku é uma técnica poética originada no Japão que tem como característica a simplicidade dos versos. Os poemas não necessitam de título, são compostos por 17 sílabas que representam o presente e fazem referência à natureza e a um evento particular, podendo ser acompanhado por uma ilustração ou não.
“O universo do haicai permite a troca cultural entre países mostrando a união pela arte, mensagens de alegria, esperança e de paz”, destacou Emerson.
A lista com os 25 poemas brasileiros podem ser consultada no endereço www.jal-foundation.or.jp/wch/15th/brazil.html

DESTAQUES DOS EDITORES