Apesar das desilusões, Paraná resgata torcedor e consegue bons resultados

Para muitos torcedores paranistas, o ano de 2013 foi um ano perdido.Após um ótimo começo na Série B, a equipe desandou na segunda metade do campeonato e viu se esfacelar o sonho de voltar à Primeira Divisão. No Paranaense, que o Tricolor não vence desde 2006, o título ficou com o Coritiba. Mas mesmo não conseguindo cumprir com seus objetivos na temporada, é inquestionável que o ano de 2013 fez reacender a paixão da torcida paranista.

Na Série B, a média de público na Vila Capanema, que em 2011 e 2012 foram de 3,7 mil e 3,3 mil, respectivamente, subiu para 6,5 mil, a oitava maior da Série B. Além de apoiar a equipe dentro e fora de casa (o Paraná tem a segunda melhor média de público como visitante, com média de 7,3 mil torcedores), o torcedor inovou e ajudou a equipe com patrocínios, como o da Torcida Fúria Independente e o do site Paranautas.

Dentro de campo, embora as coisas não tenham saído como o esperado, o Paraná fez, até aqui, a sua melhor Série B desde 2008, com 47,2% de aproveitamento. Se levados em consideração os campeonatos de Primeira Divisão disputados desde 2003 (início da era dos pontos corridos), o Tricolor alcançou neste ano sua terceira melhor média de aproveitamento dos pontos.

Aproveitamento do Paraná Clube:

Ano: aproveitamento no Brasileiro
2013: 47,2%
2012: 45,6%
2011: 45,6%
2010: 46,5%
2009: 46,5%
2008: 43%
2007: 36% (rebaixamento no Brasileirão)
2006: 52,6% (vaga na Libertadores)
2005: 48,4%
2004: 39,1%
2003: 47,1%