Eleições 2018

Após confusão, Band volta atrás e inclui candidato do PSL de Bolsonaro no debate

"Buchi: rejeitado pelo pr\u00f3prio partido, candidato diz que pretende continuar na disputa"
"Buchi: rejeitado pelo pr\u00f3prio partido, candidato diz que pretende continuar na disputa" (Foto: Franklin de Freitas)

Depois de ter anunciado que o candidato do PSL ao governo do Estado, Ogier Buchi, não registrado pelo próprio partido, a Band TV voltou atrás e decidiu concordar com a participação dele no debate de hoje. O PSL – legenda do presidenciável Jair Bolsonaro – anunciou hoje que não registrou a candidatura de Buchi na Justiça Eleitoral por uma estratégia da direção nacional da legenda. Buchi, porém, fez o registro por conta própria.

Inicialmente, a Band afirmou que em consulta ao Tribunal Regional Eleitoral, foi informada que Buchi não havia sido registrado como candidato ao governo, por isso estaria fora do confronto. Depois, porém, voltou atrás ao ser informada de que ele mesmo teria se registrado na Justiça Eleitoral

No PSL, a informação é de que o partido desistiu da candidatura própria para apoiar Ratinho Júnior (PSD).

Leia mais no blog Política em Debate