Publicidade
Campeonato Paranaense

Athletico consegue segurar empate contra o FC Cascavel no Oeste

Athletico x FC Cascavel
Athletico x FC Cascavel (Foto: Miguel Locatelli / Site oficial do Athletico)

Depois de ter perdido para o Cascavel CR na abertura do Campeonato Paranaense 2019, o Athletico enfrentou nesta quarta-feira (23) o outro time da cidade, o FC Cascavel. Desta vez, o Furacão empatou em 0 a 0, no estádio Olímpico Regional, em Cascavel (Oeste do Paraná). A partida era válida pela 2ª rodada da Taça Barcímio Sicupira, o primeiro turno do Campeonato.

Veja aqui o regulamento do Paranaense 2019.

Após duas rodadas, o Athletico está com 1 pontos no grupo A da competição. Até agora, o time não marcou gols neste ano. 

“Nosso time estava muito afoito, se desfazendo da bola muiyo rápido”, avaliou o meia João Pedro, após a partida. “É um bom time, o do Cascavel. Agora é trabalhar, domingo tem outro jogo. A gente precisa entra na competição de vez”.

No Estadual, o Athletico está jogando com o time de aspirantes, comandados por Rafael Guanaes. O time principal, sob o comando de Tiago Nunes, está sendo preservado para a disputa da Copa Libertadores – a estreia é em 5 de março, contra o Tolima, na Colômbia.

TABELA

O próximo jogo do Athletico no Estadual será neste domingo (27). O time enfrenta o Rio Branco em Paranaguá, às 17 horas.

ESCALAÇÃO

Guanaes fez duas mudanças em relação à equipe que estreou no Estadual, sendo as duas nas meias-pontas: Juninho deu lugar a João Pedro pelo lado direito e Bruno Rodrigues foi substuído por Anderson Plata no lado esquerdo. O time jogou no 4-2-3-1.

PRIMEIRO TEMPO

Mesmo fora de casa, o Athletico tentou tomar a iniciativa de jogo. Anderson Plata foi bastante acionado em jogadas de velocidade pela esquerda nos 10 primeiros minutos. Aos poucos, o time da casa conseguiu equilibrar, o que fez as chances de gol escassearem. O goleiro Fernando Júnior fez apenas uma defesa, sem dificuldade, e Leo, do Athletico, pegou duas bolas fáceis.

SEGUNDO TEMPO

Na etapa final, o FC Cascavel quase abriu o placar, com Adilson Bahia tentando por cobertura. A bola passou perto. Aos 14 minutos, Guanaes trocou Anderson Plata (cansado) por Bruno Rodrigues. Nove minutos depois, sacou Matheus Anjos para a entrada de Erik (ex-Operário). Mas mesmo assim, o Furacão não criava chances. A equipe da casa, por sua vez, quase abriu o placar num chute de Maranhão, aos 29 minutos – Leo evitou o gol. O time da Capital ainda correu outros riscos, mas conseguiu se segurar. Na última mudança, Guanaes trocou Alex Nagib por Christian – que havia disputado a Copa São Paulo neste ano. Mas o time não melhorou; pelo contrário, levou sufoco nos 10 minutos finais. Ao menos, conseguiu segurar o empate.

FC CASCAVEL 0 x 0 ATHLETICO

FC Cascavel: Fernando Júnior; Everton Silva, Ítalo, Hitalo Rogério e Wilian Simões; Duda, Welton (Leo Bartolo) e Diego Torres (Oberdan); Chininha (Maranhão), Ricardo Lobo e Adilson Bahia. Técnico: Paulo Foiani
Athletico: Leo; Reginaldo, Éder, Robson Bambu e Nicolas; Alex Nagib (Christian) e Marquinho; João Pedro, Matheus Anjos (Erik) e Anderson Plata (Bruno Rodrigues); Bergson. Técnico: Rafael Guanaes
Cartões amarelos: Robson Bambu, Leo, Duda
Árbitro: Marcos Vinicius Soares Martins
Público: 5.478
Local: Estádio Olímpico, em Cascavel, quarta-feira

LANCES DO JOGO

PRIMEIRO TEMPO

4 – Anderson Plata avança pela esquerda e cruza rasteiro para trás. Marquinho, de frente para o gol, finaliza prensado com a zaga

23 – Diego Torres tenta jogada individual e cai na área em disputa com a defesa do Athletico. O árbitro manda seguir

27 – Diego Torres aproveita sobra da defesa e, de fora da área, bate por cima do gol

31 – Matheus Anjos cobra escanteio. Robson Bambu cabeceia fraco, e o goleiro Fernando Júnior pega fácil

34 – Ricardo Lobo arrisca, mas o goleiro Léo pega fácil

39 – Wilian Simões tabela com Diego Torres e bate a gol. A bola desvia em Reginaldo e leva perigo, mas sai em escanteio

40 – Após o escanteio, Welton cabeceia fraco e Léo pega

SEGUNDO TEMPO

6 - Adilson Bahia recebe na frente e finaliza por cobertura, na saída de Leo. A bola assusta e sai por cima do travessão

17 – Bruno Rodrigues ganha pelo alto, mas a bola fica fácil para o goleiro

29 – Maranhão arrisca de longe. Leo faz grande defesa

30 – Após escanteio, Ricardo Lobo chuta cruzado. Diego Torres tenta finalizar, mas não alcança

34 – Oberdan recebe, dribla um marcador e finaliza com perigo, mas para fora

40 – Adilson Bahia bate a gol, da entrada da área. Leo defende em dois tempos

41 – Após cruzamento, Hitalo Rogério cabeceia prensado com a defesa. A bola leva perigo e sai

44 – Oberdan recebe na área, nas costas de Eder, e, livre, toca para fora

48 – Após cruzamento, Everton finaliza para fora, de cabeça

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES