Publicidade
Mais um torneio

Athletico fica a um jogo de ir ao Mundial de Clubes, segundo ideia de Conmebol

Athletico: título da Sul-Americana pode levá-lo ao Mundial
Athletico: título da Sul-Americana pode levá-lo ao Mundial (Foto: Geraldo Bubniak)

O Athletico está a um jogo de disputar o Mundial de clubes da Fifa em 2021, anunciado nesta sexta-feira (15) pela Fifa. Isso porque o time, na condição de campeão da Copa Sul-Americana em 2018, pode ocupar uma das seis vagas destinadas à América do Sul.

Segundo a ideia da Conmebol, a ideia é ocupar essas vagas com os quatro campeões da Libertadores da América entre 2017 e 2020 – no caso, Grêmio (2017) e River Plate (2018) estariam garantidos. As duas outras vagas seriam destinadas a campeões da Sul-Americana entre 2017 e 2020. Os quatro campeões seriam divididos em dois confrontos e os vencedores iriam ao Mundial. Num primeiro momento, o Athletico enfrentaria o time que vencer a Sul-Americana de 2019. O Independiente (Argentina), campeão em 2017, duelaria contra o vencedor do torneio em 2020. As partidas seriam realizadas em jogo único e em campo neutro.

A definição dos ocupantes daas seis vagas será definida na próxima semana, pela Conmebol.

Entre as outras vagas, oito ficariam com os times europeus – contudo, eles cogitam boicotar a competição, que a partir de 2021 substituiria o atual Mundial de Clubes. Restariam 10 vagas a serem distribuídas entre Américas Central e do Norte, Ásia, África e Oceania. Possivelmente a Oceania fique com apenas uma vaga e as outras três confederações levem três vagas cada.

DESTAQUES DOS EDITORES