Publicidade
Libertadores

Athletico testa reforços e aspirantes na vitória sobre o Guarani

Jogo-treino entre Athletico e Guarani, em Campinas
Jogo-treino entre Athletico e Guarani, em Campinas (Foto: Reprodução/instagram.com/guaranifc_oficial)

O time principal do Athletico Paranaense, comandado pelo técnico Tiago Nunes, venceu por 2 a 1 o Guarani, em jogo-treino nessa quarta-feira (dia 6), em Campinas-SP, no Brinco de Ouro da Princesa. O trabalho foi fechado, sem a presença de torcedores e imprensa. Os clubes não divulgaram as escalações ou a lista de jogadores utilizados.

A equipe paranaense se prepara para a Copa Libertadores – a estreia oficial no ano será em 5 de março, contra o Tolima, na Colômbia. Antes dessa partida, o time de Tiago Nunes disputará dois amistosos – clique aqui para saber mais.

Os gols da vitória do Athletico no jogo-treino foram do zagueiro Léo Pereira e do atacante Bergson, que vem atuando no Campeonato Paranaense com a equipe de aspirantes, comandada pelo técnico Rafael Guanaes.

O Athletico levou 21 jogadores para Campinas. As novidades da lista eram quatro reforços, dois aspirantes e dois novatos recém-promovidos dos juniores.

Os reforços contratados em 2019 da lista de 21 são o lateral-direito Madson (ex-Grêmio), os meias Tomás Andrade (ex-Atlético-MG) e Léo Cittadini (ex-Santos) e o centroavante Marco Rubén (ex-Rosário Central).

O goleiro Caio e o atacante Bergson, que estão atuando no Campeonato Paranaense com o time de aspirantes, também viajaram com o elenco.

Promovidos dos juniores, o lateral-direito Khellven, 17 anos, e o meia Jaderson, de 18 anos, também estão na lista de 21 convocados por Tiago Nunes.

As ausências na lista foram o lateral-direito Jonathan e o volante/meia Lucho González. O clube não explicou o motivo.

OS 21 CONVOCADOS
Para o jogo-treino com o Guarani
Goleiros: Santos e Caio
Zagueiros: Thiago Heleno, Paulo André e Léo Pereira
Laterais: Márcio Azevedo, Renan Lodi, Madson e Khellven
Volantes: Wellington, Rossetto, Bruno Guimarães e Camacho
Meias: Tomás Andrade, Léo Cittadini e Jaderson
Pontas: Rony, Nikão e Marcelo Cirino
Centroavantes: Marco Rubén e Bergson

DESTAQUES DOS EDITORES