Publicidade
Luzes e cores

Com grandes eventos neste ano, cidades de todas as regiões fazem do Paraná a ‘terra do Natal’

Pinhais lançou sua programação do Natal na noite de ontem
Pinhais lançou sua programação do Natal na noite de ontem (Foto: Rodinei Santos/PMPB)

Faltando pouco mais de um mês para o Natal, as luzes, cores e fantasias começam a ganhar espaço nos municípios paranaenses. O tão decantado espírito natalino nunca esteve tão em alta como neste ano, com mais cidades anunciando grandiosas programações, que podem até transformar o Estado na “terra do Natal”. Por que não?
À frente, vem Curitiba, com uma programação com mais de 130 atrações neste ano, um recorde. Pato Branco realiza sua parada de Natal, considerada uma das maiores do País. Londrina quer iluminar a cidade. Maringá pretende virar “cidade encantada”. São José dos Pinhais tem casa do Papai Noel. Pinhais abriu sua programação de Natal com parada ontem.

Pato Branco — A festa natalina da cidade do Sudoeste vem se consolidando como um dos grandes atrativos do Estado. Os desfiles deste ano serão nos dias 30 de novembro e 15 de dezembro (aniversário do município). Além dos tradicionais personagens, contará também com a presença da princesa do Natal. Serão mais de 350 voluntários, divididos em 60 alas e quatro alegorias. Entre as inovações na festa da cidade está a decoração de diversas árvores. Haverá, também, a tradicional Casa do Papai Noel e uma variada programação cultural, com apresentação de artistas, músicos e grupos.

Maringá — O projeto Maringá Encantada: Um Natal de Luz e Emoção começou dia 15 de novembro, com a participação de coral de 400 crianças, chegada de papai noel, acendimento das luzes da cidade e show com Sérgio Reis e Renato Teixeira. A meta é chegar próximo a 100 mil pessoas, superando o público de 60 mil em 2018. A praça Renato Celidônio terá novamente a roda gigante de 32 metros de altura. Um túnel contará com uma sincronia de som e luz com 80 metros de extensão e 3,5 de altura.

Londrina — A cidade do Norte busca resgatar o espírito natalino com o tema Natal de Luzes de Londrina. Os principais pontos turísticos e vias do município serão decorados com árvores natalinas com lâmpadas de LED. O Lago Igapó II receberá três árvores natalinas flutuantes e iluminadas, com oito metros de altura, e em seu entorno serão colocadas outras 35 árvores, em formato espiral. Decoração especial também no calçadão e nas rotatórias.

São José dos Pinhais — O Papai Noel tem uma casa nesta cidade da Região Metropolitana de Curitiba (RMC). Todo ano, o Parque da Fonte, um dos pontos turísticos da cidade, no bairro Afonso Pena, fica iluminado para a chegada do bom velhinho. A abertura da 21ª edição será no dia 26 de novembro. O Papai Noel fica até 22 de dezembro no local.

Cascavel — A cidade do Oeste aderiu ao espetáculo de Natal sem barulho, mais tolerado por bebês, idosos, pessoas com autismo e animais. O show pirotécnico inclusivo será feito com fogos de artifício com baixo estampido, priorizando as luzes e as cores. O evento será realizado na praça da Catedral Nossa Senhora Aparecida. O momento mais esperado pela comunidade, que é a abertura do Natal, com a chegada do Papai Noel, está prevista para ocorrer no dia 24 de novembro.

Pinhais — Pinhais lançou sua programação do Natal na noite de ontem, com a Parada Natalina que passou por diversos pontos da cidade, levando o Papai Noel rumo ao Bosque Municipal, onde está a Casa do Papai Noel, que fica aberta para visitação às quartas, quintas e sextas-feiras, das 17 às 22 horas, e aos sábados e domingos, das 16 às 22 horas, até o dia 15 de dezembro. Quem visitar o local conseguirá sentir a magia e o espírito natalino através das luzes, da decoração, e é claro, da presença do bom velhinho que trará alegria para as crianças.


O fim de semana da Luz dos Pinhais

O Natal de Curitiba - Luz dos Pinhais, está em contagem regressiva. A programação começa amanhã, com o início da Feira Especial de Natal da Praça Osório, no Centro, e a abertura dos eventos natalinos será no domingo, com a estreia do Auto de Reis no Passeio Público, que irá mostrar com poesia e música a mensagem do nascimento de Jesus dos três Reis Magos. No mesmo dia, também será aberto o inédito carrossel no local, atração gratuita.
Antes, no sábado, o espetáculo de luz e cores que encanta o público de todas as idades abre para visitação a partir das 19h30. É a decoração de Natal das casas da Família Moletta, na Rua Nicola Pelanda, n° 5962, no bairro Umbará,

Até 23 de dezembro, serão mais de 130 atrações pela cidade, entre autos, corais, exposições de presépios, paradas, concertos e feiras temáticas, promovidos pela Prefeitura, patrocinadores e empresas privadas. A decoração especial embelezará a cidade até 6 de janeiro. O Natal de Curitiba é a maior programação gratuita do país.

A abertura oficial do Natal de Curitiba será no domingo, no Passeio Público, que ganhará decoração especial. O Natal no Passeio terá como destaques um carrossel em estilo clássico, a árvore de Natal de 11 metros, feira gastronômica e o espetáculo Auto de Reis. A apresentação vai dramatizar com poesia e música a mensagem que os três reis magos, Melchior, Balthazar e Gaspar recebem, anunciando o nascimento do Menino Jesus, e a sua jornada, guiados pela Estrela Guia, até a manjedoura de Cristo.
O carrossel ficará aberto de 24 de novembro a 23 de dezembro e o Auto de Reis será encenado nos dias 24 e 30 de novembro, 1º, 7, 8, 14 e 15 de dezembro, sempre às 19h30.

Árvores
Curitiba terá 25 árvores de Natal espalhadas pela cidade. Quinze delas — as maiores, com até 22 metros de altura — estão em parque, praças e ruas da Capital. Outras dez nas Ruas da Cidadania. Suas luzes serão acesas amanhã.

E vem mais. A cidade ainda terá roda-gigante na Praça Santos Andrade, Natal com Ópera no Palácio Garibaldi, Lanternfest no Bosque do Alemão, Quebra Nozes nas Ruínas e Belvedere, sem falar nas apresentações do coral de crianças do Palácio Avenida, que estreia no dia 6 de dezembro, e tem apresentações nos dias 7, 8, 13, 14, 15, 20, 21 e 22 de dezembro, sempre às 20h15.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES