Publicidade
Pesquisa

Com retomada de vagas, cresce mercado de estágio

Levantamento aponta maior entusiasmo do estudante em relação à modalidade, coincidindo com um momento de recuperação dos postos fechados durante a crise
Com retomada de vagas, cresce mercado de estágio

Se nos dois últimos anos os jovens foram os mais afetados pela crise do emprego, a virada no calendário pode significar, ainda que discretamente, um novo estímulo para aqueles que buscam uma oportunidade de aprendizado. Isso porque, de acordo com a Companhia de Estágios – assessoria e consultoria especializada em vagas de estágio e trainee – os índices de 2017 apresentaram um crescimento animador no número de postos abertos em comparação a 2016. O levantamento anual feito pela empresa identificou um otimismo maior em relação ao mercado de trabalho entre esses candidatos. De acordo com a pesquisa O Perfil do candidato a vagas de estágio em 2018 o número de jovens encarando o mercado de forma positiva cresceu 2%, ao mesmo passo que houve uma diminuição de 3% no pessimismo desses estudantes.

Maior otimismo
Embora o país atravesse um período árduo para os trabalhadores menos experientes, uma pesquisa realizada pela Companhia de Estágios apontou, pelo segundo ano consecutivo, que a maioria dos candidatos segue otimista em relação ao mercado de trabalho. Contudo, em 2018, o número de jovens confiantes na melhora do cenário aumentou 2% em comparação com o último levantamento. Atualmente, 78% dos 5410 candidatos a estágios ouvidos pela recrutadora se declaram esperançosos em relação às oportunidades futuras, 12% se sentem indiferentes e apenas 10% estão pessimistas – um número 3% menor em comparação com o levantamento de 2017.

Embora tendência, concorrência é alta
Números da recrutadora também demonstram que a procura pelo estágio tem crescido progressivamente desde 2014 – ano no qual o país entrou na crise econômica e, por consequência, na derrocada do emprego formal. Dados indicam que no último triênio, o crescimento no número de candidatos ultrapassou os 20%, e que, somente em 2017, foram mais de 200 mil inscritos para os processos seletivos realizados pela recrutadora em todo o Brasil.

Contudo, engana-se quem pensa que essa migração é fruto de uma maior facilidade dos processos seletivos para esses postos. Embora as vagas sejam, de fato, voltadas exclusivamente para estudantes, a Companhia de Estágios identificou que a maioria dos candidatos ouvidos em seu levantamento não vê diferença no nível de competitividade/dificuldade dos processos para vagas de estágio ou celetistas. Segundo Rafael Pinheiro, gerente de recursos humanos da empresa.

Expectativa de crescimento
Segundo Mavichian, o mercado de estágio não só atravessa uma recuperação, como deve crescer ao longo do ano Na nossa última projeção, esperávamos um aumento em torno de 17%, que foi ultrapassado ao longo de 2017. Para esse ano, estamos com a mesma expectativa, que as empresas retomem a confiança e abram mais vagas de estágio. Contudo, fica o recado para o jovem: com o crescimento da concorrência, é preciso investir na qualificação, pois, da mesma forma, a tendência é de aumento da procura por esse tipo de vaga. – conclui.

Dicas para conseguir um estágio

1. Conheça as competências valorizadas
Adaptabilidade, flexibilidade, boa comunicação, tanto verbal quanto escrita, capacidade de trabalhar em equipe, inteligência emocional e orientação interpessoal.

2. Acerte o português
Ler e escrever muito para absorver vocabulário

3. Tenha experiências válidas
Elas podem ser tanto um trabalho em grupo na faculdade, uma atividade extracurricular ou até a participação em palestras, feiras e eventos voltados a sua profissão.

4. Defina o foco
É importante manter o foco em algumas empresas nas quais se deseja trabalhar.

5. Estude a empresa
Quando for chamado para uma entrevista, estude um pouco da cultura e do ramo de atuação da empresa. E é muito simples, pois a maioria das corporações disponibiliza sua trajetória nos seus sites.

6. Chegue com calma
Procure chegar com dez minutos de antecedência.

7. Não invente histórias
Nunca, jamais, invente histórias sobre sua qualificação e habilidades

DESTAQUES DOS EDITORES