Efeito cascata

Decisões do TSE podem trocar quatro deputados da Assembleia Legislativa do Paraná

Cassação de deputado mais votado de 2018 pode provocar "efeito cascata" na Assembleia
Cassação de deputado mais votado de 2018 pode provocar "efeito cascata" na Assembleia (Foto: Dálie Felberg/Alep)

Um “efeito cascata” de decisões do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sobre processos de cassação de deputados estaduais paranaenses pode provocar a troca de até quatro dos 54 parlamentares da Assembleia Legislativa a um ano das eleições de 2022. O maior impacto pode ocorrer caso o TSE acate pedido do Ministério Público Eleitoral (MPE) de cassação do deputado Delegado Francischini (PSL), acusado de uso indevido dos meios de comunicação e abuso de poder político, por ter divulgado informações falsas sobre fraudes nas urnas eletrônicas nas eleições de 2018.

Leia mais no blog Política em Debate