Libertadores

Eduardo Barros explica utilização de reservas e papel de Autuori

Eduardo Barros
Eduardo Barros (Foto: Valquir Aureliano)

O técnico do Athletico Paranaense, Eduardo Barros, explicou a decisão de usar reservas contra o Peñarol, após a derrota no Uruguai, nessa quarta-feira (dia 20). “A derrota nunca é um resultado calculado. A decisão de rodar a equipe era muito clara com essa sequência de jogos e pouquíssimo intervalo de recuperação entre os jogos. Devido à nossa situação na Libertadores, era o momento oportuno para descansar jogadores com sequência muito desgastante. Mesmo assim, viemos aqui e tivemos totais condições de buscar melhor resultado. Poderíamos ter saído ao menos com um empate”, declarou, em entrevista coletiva.

Barros comandou a equipe do banco de reservas nessa quarta-feira e explicou qual será o papel de Paulo Autuori, anunciado como novo ‘head coach’ do Athletico na semana passada. “O Autuori tem vasta experiência. Vai agregar muito no nosso dia a dia. Ele chega a um posto que estava aberto, que é de head coach”, declarou. “Hoje funcionou como funciona em todas as partidas. Ele participou da sessão de treinamentos. E participou de todas as reuniões pré-jogo. E vai ser assim daqui em diante”, comentou.