Crise do Coronavírus

Cidades da RMC batem martelo sobre decreto conjunto nesta quarta; fechamento do comércio é descartado

(Foto: Franklin de Freitas)

Na tarde desta terça-feira (1º de dezembro) foi realizada uma reunião entre representantes da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) e prefeitos da Região Metropolitana de Curitiba (RMC). Conforme Vinicius Filipak, diretor de gestão em vigilância da Sesa, na reunião ficou encaminhado uma definição para que todas as cidades no entorno de Curitiba (e inclusive a capital) adotem um protocolo uniforme para enfrentamento da pandemia e organização do fluxo de circulação de pessoas, com a adoção de restrições similares em todos os municípios.

LEIA MAIS: Com hospitais perto da capacidade máxima, pacientes da RMC já são transferidos para outras cidades

“Todos vão seguir o mesmo caminho nos decretos municipais. Ainda hoje devemos publicar um decreto sobre o fechamento de estabelecimentos das 23 às 5 horas da manhã e a ideia é que todos os municípios possam adotar medidas que permitam que se reduza a contaminação entre pessoas”, contou Filipak ao Bem Paraná. “Ainda vamos discutir mais medidas e possivelmente teremos um decreto com medidas similares entre todos os municípios.”

Questionado sobre a possibilidade de vir a ser realizado um novo fechamento dos municípios, com maior restrição no horário de funcionamento do comércio, por exemplo, o diretor da Sesa praticamente descartou alguma ação nesse sentido neste momento.

“Possivelmente serão adotadas medidas de afastamento social. Não se pretende o fechamento do comércio, mas o controle de número de pessoas, para se evitar o risco de transmissão. O fechamento de bares e casas noturnas no período da noite é para fazer o afastamento das pessoas que têm se exposto muito amplamente. Geralmente são jovens, que por serem jovens, quando estão doentes não ficam com sintoma, mas transmitem para familiares, no ambiente de trabalho, e aí agrava rapidamente a transmissão”.

Nova reunião nesta quarta (2)

Uma  nova reunião nesta quarta (2) definirá o decreto conjunto dos municípios da Região Metropolitana de Curitiba para conter a nova onda de Covid-19.  Participarão do encontro o presidente da Associação dos Municípios da Região Metropolitana de Curitiba (Assomec), prefeito de Fazenda Rio Grande, Marcio Wozniack, prefeitos da RMC, a secretária de Saúde de Curitiba, Marcia Huçulak, com o secretário de Estado da Saúde (Sesa), Beto Preto, o secretário da Casa Civil, Guto Silva e o secretário de estado da Segurança, Cel. Rômulo Marinho. O objetivo é criar as bases de um decreto de âmbito metropolitano com regramentos e medidas restritivas que fortaleçam o combate ao coronavírus. O novo encontro foi definido após uma reunião, na tarde desta terça  (1º/12) entre as prefeituras que compõem a Assomec e a Sesa, além do secretário da Casa Civil Guto Silva, quando o governo do estado anunciou um Decreto que determina toque de recolher e retorno ao trabalho remoto dos servidores estaduais. O fechamento do comércio está praticamente descartado, de acordo com o 

Segundo Marcio Wozniack, o momento é alarmante e os municípios precisam de um apoio do governo do estado para garantir mais condições às prefeituras combaterem as aglomerações. “Esse é um dos períodos mais difíceis, faltam leitos de UTI para atendimento à Covid-19, e queremos ter uma ação conjunta entre todos os municípios e isso deve acontecer nesta semana, haja vista, que há um consenso entre nós sobre a importância disso”, comentou ele. 

Também irão participar os prefeitos de Almirante Tamandaré, Gerson Colodel e de Tijucas do Sul, Celso Matucheski, a secretária de Saúde de Campo Largo, Danielle Fedalto e a chefe de Gabinete do prefeito Rafael Greca, Cibele Fernandes Dias.