Publicidade
Chrystyan Kishida

NovoLouvre lança inverno com estampa da artista Dani Busarello e cápsula de máscaras com verba para o Projeto Luz

Arte x moda; realidade x memória; abstrato x figurativo; feminino x andrógino. Com as questões relativas à representação artística sempre no radar, o NovoLouvre estreia no primeiro inverno da década com uma coleção inspirada na obra da artista visual Daniela Busarello. Cosmography explora as “paisagens de si” da artista desdobrando seu rico universo em uma proposta de roupa contemporânea, confortável e atemporal.

O ponto de partida é o intrigante desenho de formas irregulares, que explodem em partes ora orgânicas, ora digitais. A estampa foi desdobrada para grande parte das peças, incluindo as meia-calça e segunda pele, que além de proteger do frio, oferecem uma interessante base para as outras peças. “Neste inverno 2020 voltamos a fazer estampa com mais força, influenciados pela obra da Daniela”, conta a arquiteta Mariah Salomão, diretora-criativa do NovoLouvre. Desde que surgiu, há sete anos, a label, baseada no Centro Histórico de Curitiba, tem na estampa digital um aspecto marcante de sua identidade. Na FW20, a sobreposição de arte e moda também aparece nos vasos de murano da artista que saltam para a estampa das t-shirts, peças essenciais da marca em todas as coleções.

Filha de arquitetos, nascida em Curitiba, Dani Busarello mora atualmente em Paris, mas mantém uma conexão constante com a cidade natal por meio de seu trabalho. Como em coleções anteriores, o NovoLouvre lança mão de um projeto artístico que conecta o local e o global, recurso que fica evidente no desdobrar do seu casual chic.
Cosmography dá continuidade a uma narrativa visual que fica cada vez mais potente no NovoLouvre. As modelagens permanecem “brincando” com pences, volumes reguláveis e pregas, revelando o incansável estudo de formas e caimentos. O clássico aparece sempre com um twist de modernidade. A alfaiataria em algodão, que também se consolida na marca, traz calças, jardineiras e saias mídi com cintura no lugar e botões.


Uma linha de malha de viscose oferece conforto e elegância ao mesmo tempo, outro aspecto bem característico da mulher NovoLouvre. Já a paleta de cores segue a sobriedade e austeridade que o momento turbulento sugere, com inserções das cores da obra da artista preponderando o preto, branco e bege.
Máscaras solidárias
Neste momento de pandemia, a marca também pensou em uma proposta de proteção com viés solidário. Juntando-se ao Projeto Luz, que distribui refeições a moradores de rua no centro de Curitiba, a NovoLouvre produziu três modelos de máscara com estampas da Cosmographie, e para cada máscara vendida duas são doadas para o Projeto.


Máscara em tecido de tricoline 100% algodão com tripla camada. Dupla face (pode ser usado do lado claro ou do lado escuro), com laços para amarração na cabeça e no pescoço.


Máscara em tecido de tricoline 100% algodão com tripla camada. Dupla face (pode ser usado do lado claro ou do lado escuro), com elástico roliço anatômico duplo e tingimento tie dye.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES