Paraná 2 x 0 Pérolas Negras

Omar Feitosa diz que 'fantasma do rebaixamento' no Campeonato Paranaense está finalmente sendo exorcizado pelo Paraná Clube

(Foto: Valquir Aureliano)

O Paraná Clube venceu na tarde deste sábado (18 de junho) o Pérolas Negras na Vila Capanema, por 2 a 0. Com o triunfo, a equipe paranista não só fica perto da classificação para o mata-mata da Série D do Campeonato Brasileiro, mas também dá um passo importante para superar o trauma deixado pelo rebaixamento no Campeonato Paranaense deste ano. Nas palavras do técnico Omar Feitosa, a queda no estadual ainda é um fantasma e a partida de hoje foi fundamental para que esse fantasma possa ser exorcizado.

Na visão do técnico paranista, a equipe poderia ter tido um desempenho melhor no jogo de hoje, mas o jogo acabou sendo de muito nervosismo. E um dos motivos para esse nervosismo, ainda segundo Feitosa, foi justamente o fantasma do rebaixamento no estadual. "Durante a semana, depois da derrota [diante do Cianorte], achei que tinha alguma coisa fora do padrão, do comportamento do nosso time. E se for resgatar ali os jogadores que entraram, tinha oito atletas que jogaram o Campeonato Paranaense, faziam parte do grupo. E sem eles saberem, porque eu não cheguei nem a conversar isso com eles depois do jogo, eu acho que isso, de certa forma, trouxe um fantasma assim de 'a gente perdeu agora esse jogo e agora a coisa vai desandar', por conta de tão pesado que foi cair pra segunda divisão do Campeonato Paranaense", disse o comandante do Paraná em entrevista pós-jogo, ressaltando ainda a importância da vitória diante do Pérolas Negras para o time se ver livre desse trauma na temporada.

"Esse fantasma ainda está nos assombrando um pouco e essa vitória eu acho que exorcizou esse fantasma. Aos poucos, com essas boas atuações, com vitórias, vamos exorcizando", disse o treinador, destacando que o time conseguiu resgatar a coesão e consistência defensiva, mas que ainda precisa melhorar na hora de ir ao ataque. "Criamos jogadas, fizemos algumas movimentações, abrindo, com passe por dentro, triangulações, mas ainda podemos melhorar. E isso é treinamento."

Por último, Feitosa ainda destacou que uma vitória na próxima partida, contra a Portuguesa-RJ, fora de casa, deve garantir ao time a classificação para a próxima fase. Isso acontecendo, a equipe passará a ter como objetivo a disputa pela primeira colocação de seu grupo na Série D. "Não temos nada na nossa mão. Temos 19 pontos e não temos nada na nossa mão. Fazendo um bom jogo contra a Portuguesa e, se puder, conquistar a vitória, eu acho que garantimos nossa classificação e daí nós podemos começar a pensar na colocação no grupo."