Publicidade
Tempo louco

Paraná entra em alerta laranja para tempestades; Curitiba e Litoral estão na lista

(Foto: Franklin de Freitas)

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu na manhã desta terça (18) um Alerta Laranja para tempestades para boa parte do Paraná, inclusive Curitiba e região e litoral do Estado. O Alerta segue até à meia-noite desta terça e abrange 204 das 399 cidades do Paraná. A previsão é de chuva entre 30 e 60 mm/h ou 50 e 100 mm/dia, ventos intensos (60-100 km/h), e queda de granizo, além de risco de corte de energia elétrica, estragos em plantações, queda de árvores e de alagamentos. Na Capital, desde o início da tarde, os ventos já estavam mais fortes que o normal, alcançando 44 km/h.

22 dicas para garantir a segurança antes, durante e depois de tempestades

O aviso é para as seguintes áreas:  Planalto Norte Catarinense, Campanha, Metropolitana De Curitiba, Oeste Catarinense, Vale Do Itajai, Grande Florianópolis, Planalto Sul Catarinense, Litoral Sul Catarinense, Encosta Do Sudeste, Serra Do Sudeste, Depressão Central, Encosta Inferior Do Nordeste, Encosta Superior Do Nordeste, Campos De Cima Da Serra, Planalto Médio, Missões, Alto Uruguai, Central Paranaense, Litoral Paranaense, Norte Paranaense, Oeste Paranaense, Sudoeste Paranaense, Sul Paranaense, Litoral Gaúcho, Meio-Oeste Catarinense, Litoral Norte Catarinense.

Calorão no Litoral

Na tarde de terça (18), o calor castigou os moradores das cidades do Litoral paranaense. Por volta das 15 horas, o Sistema Meteorológico do Paraná (Simepar), apontou que Antonina  teve a sensação térmica de 55 graus (temperatura real de 36,2 graus) e Paranaguá registrou a sensação térmica de 47ºC (temperatura real de 33,2 graus). 
A sensação térmica, também conhecida de temperatura aparente, é a forma que os sentidos do corpo humano percebem a temperatura do ar, número que é diferente da temperatura real. O cálculo da sensação térmica leva em conta dois fatores: velocidade do vento e umidade relativa do ar. 

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES