Publicidade
Série B

Presidente do Coritiba nega 'carta branca' a Baptista e explica 'caso Kleber'

Presidente do Coritiba nega 'carta branca' a Baptista e explica 'caso Kleber'
Samir Namur e Eduardo Baptista: presidente apresentou o novo técnico à imprensa (Foto: Geraldo Bubniak)

O presidente do Coritiba, Samir Namur, concedeu entrevista coletiva à imprensa, nessa quarta-feira (dia 18) à tarde, durante a apresentação do técnico Eduardo Baptista. Ele negou que o novo treinador terá 'carta branca' para contratar reforços. Também explicou a situação do atacante Kleber Gladiador, que pode ser contratado pelo Fluminense.

Baptista também falou sobre Forner, Alecsandro e o jogo de segunda-feira. Clique aqui para ver esses trechos da entrevista.

“Ninguém no Coritiba tem carta branca para trazer reforços. É uma análise conjunta, com diretoria, deparatmento de futebol e consultando a comissão técnica”, explicou o dirigente. “Não existe número fechado de reforços. Temos 34 atletas no elenco principal. Ficaremos com 36 no máximo. Se trouxermos mais de dois, certamente vamos emprestar o excedente”, disse.

Baptista afirmou que, no momento, não vai pedir reforços. “Nesse primeiro momento vou observar. Temos quatro, cinco jogadores recém-contratados. Temos que esperar uma resposta deles. Mas estamos observando, atentos ao mercado. Temos um banco de dados com vários atletas. Tem um tempo para analisar. E, se for contratar, é contratação pontual. É para ser titular. É o jogador que chega e coloca a camisa de titular”, declarou o técnico.

Sobre Kleber Gladiador, o presidente Samir Namur explicou a situação. “O Kleber tem uma longa lista de serviços prestados ao Coritiba. É um idolo da torcida, mas que tem um salário muito alto. É o maior salário do Coritiba. Fazendo pequena comparação, as contratações que estamos fazendo não são nem a metade do salário (do Kleber)”, disse. “Houve interesse do Fluminense. O atleta demonstrou interesse também. O Fluminense ofereceu contrato até o final do ano que vem. Por conta desse peso na folha de pagamento optamos por liberá-lo. A informações que temos é que o presidente do Fluminense está viajando e que vai resolver a questão quando voltar”, disse o dirigente.

Kleber foi reprovado nos exames médicos no Fluminense na última sexta-feira (14). Mesmo assim, o clube carioca analisou se contrataria o jogador. Nessa quarta-feira (18), por volta das 17 horas, o clube divulgou um comunicado sobre o caso. “O Fluminense informa que não chegou a um entendimento financeiro com o atacante Kleber. Portanto, as negociações para a contratação do jogador estão, momentaneamente, suspensas”, informou o clube.

O jogador tem contrato com o Coritiba até o final de 2018. Agora, a tendência é que ele retorne a Curitiba e volte a treinar com o elenco de Eduardo Baptista.

Publicidade

DESTAQUES DOS EDITORES