Publicidade
Russos

Presidente do Paraná Clube afirma que parceria com a TSI está ‘evoluindo’

Leonardo de Oliveira
Leonardo de Oliveira (Foto: Arquivo Bem Paraná/Geraldo Bubniak)

O presidente do Paraná Clube, Leonardo de Oliveira, afirmou nessa terça-feira (dia 24) que a negociação com a TSI, empresa britânica com investidores russos, depende apenas de detalhes para ser confirmada. A pandemia do coronavírus tem interferido nas decisões, segundo o dirigente, mas ele acredita que uma solução final está próxima.

“Essa situação (pandemia) impacta, sim. Vai atrasar algumas coisas”, declarou Leonardo de Oliveira, em entrevista para a rádio Transamérica. “Estamos na fase de negociar reforços para o campeonato nacional. Mas está tudo indefinido agora. Tudo seria mais fácil se não tivéssemos esse problema. Mas não somos apenas nós vivendo esse problema. Todos os clubes estão passando por isso agora”, comentou. “Mas ontem mesmo tivemos uma reunião com os representantes da TSI e as questões contratuais estão evoluindo”, disse. “Todas as questões estão bem definidas. Estamos acertando apenas os detalhes”, declarou. “Esses detalhes ficam pendentes por questão desse momento (coronavírus)”, explicou.

O presidente não deu detalhes sobre como vai funcionar a parceria com a TSI. Em 18 de fevereiro, o Conselho Deliberativo do clube aprovou o modelo de contrato com a empresa. Clique aqui para saber mais.

FABRÍCIO
O presidente do Paraná Clube também revelou que está perto de anunciar a renovação contratual do zagueiro Fabrício, 30 anos. O vínculo atual do jogador termina em 30 de abril. “A questão está evoluindo. Praticamente definimos a situação. Está tudo apalavrado”, disse Leonardo de Oliveira, para a Transamérica.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES