Publicidade
Curitiba Cult

Projeto ‘Vale Quarentena’ ajuda quem precisa e pequenos negócios em Curitiba

Nesse período em que muitos negócios locais estão buscando outras formas de se manterem, o apoio da população é essencial. Foi pensando nisso que nasceu o projeto “Vale Quarentena”. Sem fins lucrativos, a iniciativa ajuda pessoas que necessitam de ajuda neste período, principalmente pequenos negócios que foram diretamente afetados pelo coronavírus.

O projeto foi criado pelas curitibanas Geovana Conti que fundou a Youngers e a nossa grande parceira, Mônica Berlitz responsável pelo Clube da Alice. Juntas pensaram em uma solução para quem foi afetado pela COVID-19, compartilharam com as suas respectivas equipes e todo mundo – mesmo em home office – entrou no movimento.

O que é?
Muitas pessoas têm recebido auxílio com cestas básicas, o que é incrível, mas faltam produtos de limpeza, fraldas, carne, vegetais e frutas, por exemplo. Com isso, o projeto “Vale Quarentena” auxilia a pessoa que precisa e o comerciante que deixou de vender.

O projeto oferece aos assistidos, Vale Compras com valor de R$ 25,00 (vinte e cinco) a R$ 100,00 (cem reais) que pode ser utilizado para adquirir qualquer produto, exceto bebidas alcoólicas, cigarro ou outras substâncias tóxicas. Visando conscientizar sobre as medidas recomendadas para prevenção da Covid-19, água sanitária, sabão e sabonete são itens obrigatórios em todas as compras.

Como funciona?
O vale é emitido em nome da pessoa cadastrada e não pode ser utilizado por terceiros. A compra deve ser feita no comercio local mais próximo.

Como ajudar?
A doação pode acontecer pelas formas disponibilizadas no site. O valor é integralmente utilizado para distribuição de Vale Compras, depois dos descontos e taxas dos depósitos.

Como participar?
Existem dois tipos de inscrições: quem precisa receber a doação e os pequenos negócios que aceitarão os vale-compras.

Se você é um dos que tem um pequeno negócio (mercado, padaria, mercearia, hortifruti, etc) e teve sua renda afetada nesse período, pode cadastrar seu estabelecimento no site e aceitar pagamento com voucher ou vale-compras.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES