Publicidade

Recado


O senador Osmar Dias (PDT) voltou ontem a dar um recado aos antigos aliados do PSDB. Não pretende esperar os tucanos decidirem se vão ou não ter candidato próprio ao governo ou se manterão a aliança com ele repetindo 2006. Enquanto isso, vai continuar conversando com outros partidos, de outro grupo político. Leia-se: o PT do presidente Lula e da ministra Dilma Roussef.

Credibilidade
Sobre a crise no Senado, Osmar reafirmou que a posição dele e da bancada do PDT é pelo afastamento de José Sarney (PMDB/AP) da presidência da Casa. Tanto que o senador foi um dos líderes que assinaram ontem documento nesse sentido. Para Osmar, enquanto Sarney continuar no cargo, as investigações sobre as denúncias envolvendo o maranhense não terão credibilidade. O senador criticou ainda o arquivamento sumário das denúncias pelo presidente do Conselho de Ética, Paulo Duque (PMDB/RJ).

Efeito CQC
O programa “Custe o que Custar (CQC)” da TV Bandeirantes prometeu voltar o mês que vem para ver se os ônibus escolares ainda estariam encalhados na frente do Palácio Iguaçu, esperando festas para Requião entregá-los aos municípios. Deu correria geral no governo. Só ontem, desencalharam 62 veículos: 35 tomaram o rumo de Pitanga e 27 deslancharam para Cianorte. 

De pronto
O senador paranaense Alvaro Dias (PSDB) tem sempre uma frase pronta quando é questionado pela imprensa. No caso do Conselho de Ética, que absolveu o presidente do Senado, José Sarney (PMDB/AM), de várias acusações, ele alfinetou: “é um julgamento só com advogados de defesa”.

Prevenção
O Tribunal de Contas também está preocupado com a gripe suína. Na semana que vem, o expediente no órgão continuará normal, mas o recebimento de processos e outros documentos ficará concentrado no setor de Protocolo. A medida tem  o objetivo de reduzir a circulação interna de pessoas nos prédios da corte. Os cursos que estavam programados para este mês. A expectativa é de que as atividades sejam retomadas normalmente a partir do dia 17 de agosto.  Os setores da Casa cujos servidores têm contato direto com o público externo já se encontram em alerta.

Recurso
Ontem o TC acatou recurso apresentado pelo diretor da Unespar – Faculdade Estadual de Educação, Ciências e Letras de Paranavaí (Noroeste) entre os anos de 2006 e 2008, José Paszczuk, modificando decisão anterior que havia determinado a devolução de R$ 60 mil ao cofre estadual. A Unespar recebeu R$ 60 mil da Fundação Araucária, entre 2006 e 2008, para a compra de material bibliográfico, mas os técnicos do tribunal haviam apontado o não cumprimento dos objetivos do convênio.

Troca
O PSC e o PSB de Foz do Iguaçu, no Oeste do Paraná, anunciaram que vão enquadrar seus vereadores na Câmara Municipal por apoiar o prefeito Paulo Mac Donald Ghisi (PDT), já que a orientação é pela oposição. Segundo os dois partidos, teria havido um acordo entre Mac Donald e os vereadores Edilio Dallagnol e Beni Rodrigues (PSB) e Braiz de Moura (PMN). Eles passariam a integrar a base de apoio em troca de cargos na prefeitura. Pelo sim, pelo não, já saiu um decreto nomeando a irmã de Dallagnol, Ivani Salete Dallagnol, num cargo comissionado na Prefeitura de Foz do Iguaçu.

Agenda
O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) deve julgar nos próximos dias um processo que pode mudar o prefeito de Mamborê, no Centro-Oeste do Estado. O julgamento começou semana passada e estava empatado em 2 a 2 quando um dos juízes pediu vistas, adiando a decisão. Faltam três juízes para votar.  O ex-prefeito Ricardo Radomski (PDT), que foi o mais votado em outubro, tenta convencer o tribunal de não deveria ter tido sua candidatura cassada. Por outro lado, o segundo colocado,  Henrique Sanches Salla (PMDB) tenta se manter.


Em alta
 A partir desta sexta-feira , Curitiba será a primeira cidade do Brasil a ter um serviço de call center para monitoramento da evolução do estado de saúde dos suspeitos de terem contraído a nova gripe e que estejam cumprindo isolamento domiciliar.

Em baixa
O líder do PMDB no Senado, Renan Calheiros (AL), usou palavrões para atacar o senador Tasso Jereissati (PSDB-CE), depois de ler em plenário  ontem decisão de seu partido de recorrer ao Conselho de Ética contra o líder tucano na Casa, Arthur Virgilio (AM).

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES