Publicidade
Casa

Seis mitos e verdades sobre energia solar

(Foto: Divulgação)

O crescimento e a popularização da energia solar no Brasil têm gerado diversos aspectos positivos para o país, sobretudo no lado econômico e ambiental. A energia fotovoltaica solar pode ser utilizada de diversas formas: aquecimento solar, energia heliotérmica, arquitetura solar e fotossíntese artificial. O incentivo à utilização da energia solar no Brasil é justificado pelo potencial do país, que possui grandes áreas com alta irradiação solar durante quase todo o ano, principalmente no chamado cinturão solar, que começa na região Nordeste, passa pelo norte de Minas Gerais e sul da Bahia.

Devido ao avanço da tecnologia fotovoltaica, diversas empresas já fornecem energia solar mais barata que a convencional e sem a necessidade de qualquer tipo de investimento, instalação ou obras, como é o caso da Mori Energia. Nesse caso, podem usufruir do benefício pessoas jurídicas atendidas pela distribuidora CEMIG com consumo mensal acima de 500 kWh.

Mesmo com o crescimento e difusão dessa tecnologia, ainda existem diversas incertezas sobre seu funcionamento. Saiba mais um pouco sobre cada um desses “mitos e verdades”.

1 - Os painéis solares não produzem energia no inverno ou em dias nublados

Mito. Os painéis produzem energia por meio da radiação direta da luz do sol, e não pela temperatura, por isso, ainda que em dias nublados a radiação seja difusa devido as nuvens que bloqueiam o sol, os raios são suficientes para gerar energia.

2 - O custo de instalação da energia solar fotovoltaica é alto

Mito. Os painéis solares possuíam custo elevado nas primeiras descobertas desta tecnologia, porém, com a evolução do mercado global, os módulos fotovoltaicos tiveram o custo reduzido em mais de 80% nos últimos 5 anos. Assim sendo, tornou-se a tecnologia de geração de energia com o menor custo existente.

3 - A energia solar serve apenas para aquecimento de água

Mito. É necessário distinguir sistema de energia solar térmica de sistema fotovoltaico. O sistema fotovoltaico transforma raios solares em eletricidade. Devido a essa característica, pode ser utilizado para iluminação, funcionamento de equipamentos eletroeletrônicos e aquecimento de água em chuveiros elétricos, enquanto no sistema de energia solar térmica, são coletores utilizados apenas para aquecimento de água.

4 – A usina solar causa impactos ambientais na área construída

Mito. As usinas fotovoltaicas são construídas em terras remotas e improdutivas, portanto, além de o impacto ambiental ser mínimo, os empreendimentos contribuem para o desenvolvimento econômico e social das cidades onde são instaladas.

5 - Os módulos não geram energia durante a noite

Verdade. A geração de energia solar não acontece no período noturno, devido à ausência de radiação solar. Em lugares onde a única fonte de energia disponível é a fotovoltaica, é aconselhável que se tenha um banco de baterias conectado ao sistema. Dessa forma, é possível armazenar a energia que será utilizada no período noturno. Porém, esse não é o caso da comunidade solar da Mori Energia, pois, quando a fazenda solar não está gerando energia, o cliente continua conectado ao sistema da sua distribuidora de energia local.

6 - Os módulos solares têm vida útil superior a 25 anos

Verdade. Devido ao avanço da tecnologia e da comprovação feita tanto por estudos técnicos, quanto por históricos de usinas, os módulos solares têm vida útil superior a 25 anos.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES