Publicidade
Paixão de Cristo

Depois do Domingo de Ramos em casa, veja como será a Sexta-Feira Santa, o sábado de Aleluia e a Páscoa

(Foto: Franklin de Freitas)

O Domingo de Ramos abriu as comemorações da Semana Santa, que encerra no domingo de Páscoa. Em Curitiba e boa parte do País, ela foi diferente. Diante do avanço da covid-19 no País, a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) pediu uma celebração sem aglomerações neste ano.

Além de pedir para os católicos acompanharem eventos pela televisão e redes sociais, a conferência sugeriu colocar ramos nas portas e janelas, como simbolismo, o que aconteceu em Curitiba. Ao longo da semana, outras ações também serão mais restritas.

Na Quinta-Feira Santa, a Celebração da Ceia do Senhor e da instituição da Eucaristia, celebrada após o pôr do sol, não terá o Lava-Pés, assim como também não acontece neste ano a procissão do translado do Santíssimo Sacramento.

Na Sexta-Feira Santa não haverá via sacra e a procissão do Senhor Morto. A celebração da Paixão do Senhor deve ser mantida nas paróquias e no momento da Oração Universal será feito um acréscimo com uma oração especial da Arquidiocese de Curitiba pelos doentes.

A Vigília Pascal será celebrada em cada paróquia na noite do Sábado Santo. No Domingo de Páscoa são mantidas as celebrações, incentivando a transmissão online quando houver possibilidade.

Veja a galeria de fotos do Domingo de Ramos em Curitiba

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES