Redes sociais

Shoppings de Curitiba lançam campanha contra fechamento do comércio

Ideia dos shoppings  sensibilizar as autoridades para as dificuldades que os empresários estão passando devido ao abre e fecha e também a possível demissão de funcionários
Ideia dos shoppings sensibilizar as autoridades para as dificuldades que os empresários estão passando devido ao abre e fecha e também a possível demissão de funcionários (Foto: Franklin de Freitas)

Os shoppings de Curitiba lançaram uma campanha nas redes sociais contra o fechamento dos estabelecimentos em um novo lockdown ou bandeira vermelha na Capital paranaense. A campanha é assinada por todos os shoppings da capital e traz três cards com as hashtags "#economia não pode parar", "#comercio não pode fechar" e "#trabalho é essencial".

A ideia, segundo as empresas, é sensibilizar as autoridades para as dificuldades que os empresários estão passando devido ao abre e fecha e também a possível demissão de funcionários e fechamento de lojas.

Na quinta-feira, a secretária municipal de Saúde, Márcia Huçulak, afirmou que a Capital paranaense pode voltar à bandeira vermelha, com fechamento do comércio não essencial, caso a cidade continuasse registrando aumento do número de casos novos de Covid-19, como vem acontecendo nos últimos dias. O governador Ratinho Júnior (PSD) também admitiu que pode tomar novas medidas restritivas no âmbito estadual se o aumento de casos continuar.