Policiais prendem ‘tarado’ que assediava mulheres no Hauer

6 outubro, 2017 às 15:07  |  por Redação Bem Paraná

tarado

Um homem de 40 anos, foi preso, no final da manhã desta sexta-feira (06), no bairro Vila Hauer, por policiais civis do 7º Distrito Policial, suspeito de assediar várias mulheres na região do Boqueirão. O homem foi preso no momento que chegava em seu trabalho.

De acordo com a polícia, cinco mulheres (vítimas), entre 30 e 40 anos, foram até a delegacia registrar boletim de ocorrência por ato obsceno. “O homem parava o carro em lugares não muito movimentado e quando alguma mulher passasse pelo local ele mostrava o seu órgão genital, fazendo atos abscenos”, falou o delegado responsável pelas investigações, Osmar Dechiche.

Ainda de segundo a polícia, no momento da prisão o suspeito estava chegando em seu local de trabalho, a fim de assinar sua rescisão de contrato. “Assim que as denúncias chegaram até nosso conhecimento, iniciamos as investigações e a equipe conseguiu qualificar sua identidade. Como estávamos monitorando o homem, acreditamos que ele iria fugir, pois ele já tinha sido identificado pela equipe policial”, lembrou o delegado.

O homem que possuí passagem policial pelo crime de furto trabalhava em uma empresa no ramo de transporte, no setor de serviços gerais. Em seu nome, constava um mandado de prisão em aberto pelo mesmo crime. Ele estava foragido do sistema prisional há dois meses.

As investigações apuraram que o suspeito usava o veículo da namorada para cometer os crimes. “O marido de uma das vítimas chegou a quebrar o espelho retrovisor do veículo, porém o homem conseguiu fugir”, afirmou Dechiche.

Na delegacia, a namorada falou que não percebeu nenhuma conduta diferente em relação ao namorado e confirmou que seu carro ficava com ele em tempo integral. O homem preferiu se manter em silêncio.

Ele morava sozinho, já que sua mãe tinha uma medida protetiva para que ele não se aproximasse da residência. Agora ele permanecerá preso pelo mandado de prisão e assinou um termo circunstanciado pelo crime de ato obsceno – por se tratar de um crime de menor potencial ofensivo.

0 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>