Publicidade
Menos industrializado

Cosmético natural se firma como tendência

Com ingredientes que vão do chumbo, alumínio e parabenos, cada vez mais pessoas estão deixando os cosméticos convencionais de lado. Com isso troca, alternativas mais saudáveis entram em cena. E, em vários casos, receitas antigas começam a ser resgatadas. É mais ou menos a mesma linha de pensamento sobre “comida de verdade”, bordão de Rita Lobo, apresentadora do programa Panelinha. Ela propaga que se evite produtos ultraprocessados, ou seja, aqueles altamente industrializados que têm em suas fórmulas corantes e conservantes e se opte por ingredientes naturais, comprados na feira.

No caso dos cosméticos, quem pensa que este tipo de produto custa caro, vale a pena pesquisar nas lojas online e até mesmo com as avós as receitas, que levam ingredientes naturais e baratos. Muitos deles podem ser feitos em casa, com ingredientes simples de encontrar, como bicarbonato, leite de magnésia e vinagre.
Para quem é um pouco mais radical, tem até curso que ensina como fazer produtos veganos. O site Namu Cursos, primeira plataforma de videoaulas é um deles. Daniella Kakazu e Luiza Monteiro, ambas engenheiras químicas e pós-graduadas em sustentabilidade, elaboraram um curso on-line exclusivo para a plataforma. Com o nome de “Cosméticos Naturais e Veganos”, o curso possui 11 videoaulas que ensinam a fazer os mais variados tipos de cosméticos com foco no cuidado da pele, como hidratantes, séruns, esfoliantes, máscaras e tônicos.

O diferencial do curso é que todos os cosméticos são livres de elementos de origem animal. Até mesmo ingredientes como o leite e o mel - muito presentes em cosméticos - são deixados de fora das receitas. “A ideia é fazer tudo para causar o mínimo de impacto possível ao meio ambiente” explica Luiza. Além disso, os produtos são 100% naturais, ou seja, sem nenhum componente que foi sintetizado em laboratório. “Desejamos transformar as relações das pessoas com seu próprio corpo e com a natureza, levando os benefícios dos cosméticos naturais a todos. Queremos inspirá-las a ter um cuidado mais verdadeiro, minimalista e harmonioso com a sua pele”, diz Daniella.

As professoras explicam que a transição de produtos industrializados para naturais não é para ser algo duro ou sofrido. “Vá substituindo aos poucos. Conforme os seus produtos forem acabando, vá introduzindo os naturais na sua rotina”. Além disso, é necessário ter paciência, pois o organismo pode demorar um pouco para se acostumar com eles. “É importante que não desista nas primeiras tentativas”.

O curso idealizado por Daniella e Luiza reúne dicas que ajudarão nessa transição, além de explicar quais são os melhores ingredientes para todos os tipos de pele, seja ela ressecada, oleosa, sensível ou com acne. Em adicional, mostra os cuidados necessários para fazer os cosméticos em casa, com qualidade. O endereço do site é www.namucursos.com.br


Algumas receitas naturais de cosméticos

Desodorante natural caseiro

  • 1/3 de amido de milho (maisena)
  • 1/3 de bicarbonato de sódio
  • 3 colheres (sopa) de óleo de coco
  • 20 gotas de óleo essencial de maleleuca
  • 20 gotas de óleo essencial de menta piperita
  • Misture tudo em um bool até formar uma pasta homogênea. Guarde em um pote em lugar fresco e seco. A única diferença deste produto em termos de eficácia é que, por não ter alumínio, não impede a transpiração, mas o bicarbonato e os óleos essências ajudam a evitar a proliferação de fungos causadores de odor.

Desodorante líquido

  • ¼ de xícara (chá) de água
  • ½ xícara (chá) de leite de magnésia
  • 1 colher (chá) de óleo de essencial
  • Misture tudo e coloque em uma embalagem spray, que pode ser reaproveitada de outro cosmético que tenha acabado.

Xampu de bicarbonato

  • Misture o uma colher (sopa) de bicarbonato de sódio com água 500 ml de água e use para lavar os cabelos

Condicionador de vinagre

  • Misture vinagre de maçã com água e use após aplicar o xampu de bicarbonato. A proporção é de meio a meio

DESTAQUES DOS EDITORES