Olho no futuro

Morínigo diz que goleada aumenta responsabilidade no Alto da Glória: ‘Bom momento’

(Foto: Valquir Aureliano)

O técnico do Coritiba, Gustavo Morínigo, celebra de forma tímida a histórica goleada do Coxa diante do Paraná Clube, na tarde deste sábado (24 de abril). Em entrevista coletiva pós-jogo, o treinador paraguaio exaltou o bom momento de sua equipe e elogiou o desempenho dos atletas, mas também ressaltou que está preocupado com o que está por vir, e não com o que já aconteceu.

“Estou satisfeito, principalmente com a forma como jogamos. Tivemos bom rendimento, fizemos muitos gols. Contra o Azuris, também tivemos bom rendimento, criamos chances de gol. Mas não fizemos. Agora estamos ganhando minutos juntos, esse é um elenco novo, então me parece que é satisfatório [o estágio em que estamos]. Mas vamos continuar sendo muito exigentes para sermos melhores, começar e terminar uma partida bem”, disse o comandante alviverde.

LEIA MAIS: Coritiba atropela o Paraná no Couto Pereira e impõe goleada histórica em tarde brilhante de Rafinha

LEIA MAIS: Maurílio Silva diz que ‘faltou tudo’ ao Paraná no clássico: ‘Nossa equipe não estava com coragem e determinação’

LEIA MAIS: Rafinha e Cerutti são os destaques do Coxa e Renan decepciona pelo Tricolor. Confira as atuações

“Não sou muito de desfrutar o momento, gosto mais de pensar no futuro. Não posso só ficar no que fizemos, porque seria perder tempo. Tratamos de tomar o momento como bom, um trabalho cumprido, mas ainda com muita história para se escrever”, destacou ainda o treinador coxa-branca, ressaltando que a goleada no Paratiba aumenta a responsabilidade de sua equipe. “Cria mais responsabilidade para nós, pois estamos criando expectativa através dos jogos, dos resultados.”

Sobre partida, o técnico destacou que foram dois tempos “totalmente distintos”. Na primeira etapa, ele avaliou que o Coxa esteve mais nervoso e a partida foi mais fechada, brigada. “Até que fizemos o gol. No intervalo falamos para eles ficarem tranquilos, jogarem, fazerem o que sabem. E foi o que fizeram. Parece-me que merecemos o resultado.”