Publicidade
Série B

Sem Wilson e Rafinha, Coritiba joga para salvar o emprego do técnico

Juan Alano: ele será o substituto de Rafinha contra o Vila Nova
Juan Alano: ele será o substituto de Rafinha contra o Vila Nova (Foto: Divulgação/Coritiba)

O Coritiba tem novos desfalques para o próximo jogo. Nesta terça-feira (dia 23) às 19h15, recebe o Vila Nova no Couto Pereira, pela 11ª rodada da Série B. O goleiro Wilson, 35 anos, e o meia-atacante Rafinha, 35 anos, sofreram lesões musculares. A previsão é que os dois fiquem fora das quatro próximas partidas (Vila Nova, Operário, Botafogo-SP e Sport).

O técnico Umberto Louzer perde dois jogadores importantes para uma partida que decide sua permanência no cargo. O presidente do Coritiba, Samir Namur, deixou claro na semana passada que o treinador pode ser demitido em caso de novo tropeço.

Louzer segue sem contar com o lateral-direito Diogo Mateus, lesionado. O meia Giovanni ainda não tem condições físicas para 90 minutos e vai começar no banco, mais uma vez. “O Giovanni infelizmente não está apto para iniciar o jogo, por condições físicas. Conversamos bastante com ele. Ele vai gradativamente ganhando condicionamento”, afirmou o técnico, em entrevista coletiva.

O volante Vitor Carvalho e o meia Juan Alano cumpriram suspensão na última rodada e podem retornar. Alano é o provável substituto de Rafinha. Vitor Carvalho deve começar no banco, com a manutenção de Matheus Sales como titular. “É opção nossa manter o Sales. Ele consegue construir melhor, tem essa presença, essa chegada. Vitor é um atleta mais de contenção. Jogando em casa precisamos de uma equipe mais ofensiva”, explicou Louzer.

Wilson será substituído por Alex Muralha, 29 anos.

Nos últimos jogos, Louzer usou o esquema tático 4-1-4-1, com Matheus Sales como único volante. Luiz Henrique e Thiago Lopes atuaram centralizados na linha de quatro. Pelos lados do campo, o treinador usou Rafinha (direita) e Robson (esquerda) na última partida.

ADVERSÁRIO
O Vila Nova faz campanha fraca na Série B. Só conseguiu duas vitórias (sobre Atlético-GO e Botafogo-SP). Está em 16º lugar, com 11 pontos. Os destaques individuais do time na competição são o zagueiro Wesley Matos (33 anos, ex-Goiás), o lateral Jeferson (23 anos, ex-Ponte Preta) e o volante Ramon (22 anos, ex-Inter). Os artilheiros da equipe na Série B são o zagueiro Diego Jussani e o volante Neto Moura, com dois gols cada.

No Campeonato Goiano, o Vila Nova foi até a semifinal — acabou eliminado pelo Atlético-GO. Na Copa do Brasil, caiu na quarta fase, diante do Juventude, após eliminar nas fases anteriores o Bragantino-PA, a URT e o Manaus. O artilheiro do time na temporada é o meia-atacante Alan Mineiro (31 anos, ex-Corinthians), com 11 gols em 29 partidas. Na Série B, ele marcou um gol em nove jogos. Foram nove gols em 16 jogos no campeonato estadual e um gol em quatro jogos na Copa do Brasil.

CORITIBA x VILA NOVA
Coritiba: Alex Muralha; Felipe Mattioni, Walisson Maia, Sabino e William Matheus; Matheus Sales; Luiz Henrique, Thiago Lopes, Juan Alano e Robson; Rodrigão. Técnico: Umberto Louzer
Vila Nova: Rafael Santos; Jeferson, Wesley Matos, Diego Jussani e Romário; Joseph e Ramon; Mateus Anderson, Alan Mineiro e Mailson (Alan Carius); Bruno Mota. Técnico: Marcelo Cabo
Árbitro: William Machado Steffen (SC)
Local: Couto Pereira, às 19h15

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES