Publicidade
Grande Curitiba

Obras emergenciais acontecem na ponte da barragem do Rio Verde

Pranchões podres são ameaça para usuários da ponte da Barragem do Rio Verde, que liga Campo Largo e Araucária. Construída há mais de 40 anos, a ponte não suporta mais os remendos. Há a necessidade de reconstrução total, porque os reparos realizados ao longo dos últimos anos são apenas paliativos. Para a reconstrução, é preciso haver entendimento entre as prefeituras de Campo Largo e Araucária e a Petrobrás, responsável pela barragem.
Na tarde de quarta), o vice-prefeito Mauricio Rivabem, a pedido do prefeito Marcelo Puppi, esteve visitando a ponte, juntamente com o secretário de Viação de Obras, Joel Vidal. A situação da ponte é crítica, segundo a visão de ambos, e é necessária a intervenção imediata das duas prefeituras e da Petrobrás para garantir maior segurança aos usuários. Ainda na tarde desta quarta-feira, a equipe da Secretaria de Viação e Obras de Campo Largo substituiu alguns pranchões da ponte.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES