Batismo

Estudantes de Curitiba conhecem a tamanduá Lola, celebridade do Zoo

(Foto: Lucilia Guimarães)

A fama de Lola, uma das mais novas moradoras do Zoológico de Curitiba, correu as redes sociais em razão do concurso realizado para a escolha do nome dela, em agosto deste ano. Nesta terça-feira (23/10), os alunos da turma que sugeriu o nome vencedor, da Escola Municipal (CEI) Maria Augusta Jouve, do Alto Boqueirão, foram conhecer a tamanduá-bandeira.

Foi o batismo da Lola, de acordo com o prefeito Rafael Greca, que acompanhou a turma do 4º ano C, junto com as secretárias da Educação, Maria Sílvia Bacila, e do Meio Ambiente, Marilza Dias; e o diretor de Pesquisa e Conservação da Fauna da Secretaria do Meio Ambiente, Edson Evaristo.

“A vinda dos curitibinhas é uma oportunidade de entender a importância dos zoológicos para a pesquisa e conservação”, disse Greca. O prefeito lembrou, ainda, que os alunos da rede municipal contam com o programa Linhas do Conhecimento, com frequentes aulas de campo como a desta terça-feira.

A ideia do nome Lola veio da aluna Rebecca Michalski, de 9 anos, que ficou bastante feliz com o resultado da enquete feita pela Prefeitura de Curitiba. A menina contou também que gostou de aprender mais sobre os tamanduás. “É muito importante saber que ela veio para que possam nascer mais animais da espécie em extinção”, explicou.

Lola chegou em meados de julho de um criadouro conservacionista e, se tudo der certo, quando chegar à idade adulta, deve formar um casal com Igor, o tamanduá-bandeira que já vive no Zoo há 15 anos. A ideia é que se consiga reproduzir a espécie, como acontece com diversas outras na área de pesquisa do local.

Prêmio

A visita foi o prêmio da turma pela indicação do nome que acabou sendo o mais votado. Além de ver de perto os dois tamanduás-bandeira, os estudantes passaram pela cozinha e aprenderam mais sobre a rotina de alimentação e tratamento de todos os animais.

Segundo a diretora da escola, Carla Aparecida Cavichioli, os alunos estavam bastante ansiosos com a visita e as outras turmas também esperam poder conhecer a Lola em breve. “O trabalho de escolha do nome envolveu todos os estudantes e integrou conhecimentos. Durante a votação, conseguimos mobilizar também as famílias e a comunidade, foi bastante interessante”, avaliou.

Enquete

A eleição do nome foi divulgada na página da Prefeitura no Facebook. Lola recebeu 809 votos dos internautas, seguida dos nomes Estrela, sugerido pela Escola Municipal Governador Leonel de Moura Brizola, com 97 votos; Lua, da Escola Municipal Mirazinha Braga, com 155 votos; e Pérola, das escolas municipais Álvaro Borges e Professora Nansyr Cecato Cavichiolo, com 285 votos.

Presenças

Participaram da atividade também o administrador da Regional Boqueirão, Ricardo Dias; as equipes do Zoológico de Curitiba e da Secretaria da Educação; e as professoras da Escola Municipal (CEI) Maria Augusta Jouve.