Campeonato Paranaense

Paraná Clube muda, faz seu melhor jogo na temporada e vence o Rio Branco

(Foto: Valquir Aureliano)
(Foto: Valquir Aureliano)
(Foto: Valquir Aureliano)
(Foto: Valquir Aureliano)
(Foto: Valquir Aureliano)
(Foto: Valquir Aureliano)
(Foto: Valquir Aureliano)
(Foto: Valquir Aureliano)
(Foto: Valquir Aureliano)
(Foto: Valquir Aureliano)

O Paraná Clube venceu por 2 a 0 o Rio Branco, nessa segunda-feira (dia 3) à tarde, na Vila Capanema, pela 8ª rodada do Campeonato Paranaense. Com o resultado, o time da capital ficou em 5º lugar, 11 pontos em 8 jogos. A equipe do Litoral está na 10ª colocação, com 6 pontos em 8 jogos.

Ao final da primeira fase (11 rodadas), os oito primeiros colocados avançam para as quartas de final. Os dois últimos (11º e 12º) são rebaixados.

Na reta final, o Paraná ainda vai enfrentar Cascavel CR, Azuriz e Operário.

Clique aqui para ver as ATUAÇÕES — notas para os jogadores do Paraná Clube.

DESEMPENHO
Em relação ao desempenho, o Paraná fez seu melhor jogo na temporada. Não foi uma boa atuação, mas, pelo menos, o time apresentou consistência. Pela primeira vez, o time teve defesa sólida, meio-campo criativo e ataque efetivo. O principal responsável pela evolução foi o meia uruguaio Maxi Rodriguez (ex-Grêmio e Vasco), que se destacou pela visão de jogo e qualidade nos passes. Outro ponto positivo foi o ponta Gustavo França, abrindo espaços no setor ofensivo como movimentação inteligente.

ARTILHEIRO
O atacante Gustavinho, 27 anos, marcou mais um e é o artilheiro do Paraná Clube na temporada 2021, com três gols em sete jogos.

ESCALAÇÃO
Sem o ponta Thiago Alves (suspenso) e o centroavante Pedro (lesionado), o técnico Maurilio fez duas mudanças na escalação, com a entrada do meia uruguaio Maxi Rodríguez e do atacante Gustavo França (ex-América-RJ). Foi o primeiro jogo do uruguaio como titular. E Gustavo fez sua estreia pelo novo clube.

ESQUEMA TÁTICO
O esquema tático foi o 4-2-3-1 das últimas rodadas, com a linha de três com França e Juninho como extremos (pelos lados do campo) e Maxi Rodriguez centralizado. O centroavante era Gustavinho.

PRIMEIRO TEMPO
O primeiro tempo teve domínio do Paraná, que conseguiu atacar pelas pontas e teve Maxi Rodriguez como destaque na articulação. Foram duas boas jogadas ofensivas do time até os 32, quando abriu o placar, em bom cruzamento de Bryan para Gustavinho finalizar de cabeça: 1 a 0. O Rio Branco demonstrou fragilidade na marcação e muita lentidão com a bola. Na primeira etapa, só levou perigo algum perigo em dois momentos — o principal foi aos 30, em boa tabela entre Zezinho (ex-Athletico e Paraná) e Bernardo (ex-Coritiba e Vasco).

SEGUNDO TEMPO
O segundo tempo começou com gol. Juninho bateu escanteio, a zaga do Rio Branco e Micael completou: 2 a 0. O time do Litoral se perdeu em campo, mas o Paraná não forçou o ritmo. O jogo ficou morno até o fim. Aos 25, as primeiras substituições no time da capital, com as saídas de Gustavinho e Juninho para as entradas do centroavante Da Silva e do meia Gabriel Pires. Aos 34, entraram o ponta Elielton e o volante Mazinho. Aos 42, Maurilio colocou o volante Kriguer.

PARANÁ 2x0 RIO BRANCO
Paraná: Bruno Grassi; Jaílson, Micael, Hurtado e Bryan; Moisés Gaúcho e Ramires (Mazinho); Gustavo França (Kriguer), Maxi Rodríguez (Elielton) e Juninho (Gabriel Pires); Gustavinho (Da Silva). Técnico: Maurilio
Rio Branco: Lucas Macanhan; Igor Mathias, Renato Oliveira, Jacy e Pedro Botelho (Higor); Paulo Henrique (Arroyo) e Zezinho (Alex Mineiro); Marcelinho, Bernardo (Guga) e Demethryus (Matheuzinho); Douglas. Técnico: Victor Hugo Annes.
Gols: Gustavinho (32-1º), Micael (8-2º),
Cartões amarelos: Paulo Henrique, Pedro Botelho, Igor Mathias (RB). Bryan, Kriguer (P)
Árbitro: Rafael Vinícius Moura de Oliveira
Local: Vila Capanema, em Curitiba

PRINCIPAIS LANCES
Primeiro tempo
1 - Lateral direto para a área. Gustavo França dribla Jacy e chuta cruzado. Macanhan espalma.
26 - Falta de média distância. Maxi Rodriguez bate forte, no ângulo. Macanhan faz grande defesa.
30 - Bernardo recebe na área e ajeita para Zezinho, que mata no peito e prepara para fuzilar o goleiro. Micael salva o Paraná.
32 - Gol do Paraná. Gustavinho rouba no ataque e rola para Bryan, na ponta. Ele cruza e Gustavinho, livre, cabeceia.
44 - Zezinho chuta de longe. Bruno Grassi espalma no canto.
47 - Boa troca de passes. Juninho chuta de fora da área. A bola passa perto.

Segundo tempo
8 – Gol do Paraná. Juninho bate escanteio. A defesa falha. Micael fica livre e chuta.
24 – Bryan lança. Gustavinho sai nas costas da defesa, invade a área e chuta cruzado. A bola passa perto.
47 - Elielton dribla o último zagueiro, sai na cara do gol e tenta por cobertura. Macanhan segura.