Assine e navegue sem anúncios [+]
Covid-19

Curitiba, Cascavel, Londrina e Maringá têm casos suspeitos de coronavírus

(Foto: Arquivo/ABr)

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) atualizou na tarde desta segunda-feira (2) os casos em investigação de coronavírus no Paraná. Ao todo são sete novos suspeitos da doença.

Os novos casos estão em Cascavel (1), Curitiba (3), Londrina (1) e Maringá (2). Trata-se de quatro mulheres e três homens que estiveram em locais como Alemanha, França, Itália, Malásia e Tailândia.

As informações oficiais são divulgadas através do boletim diário divulgado no site da Sesa.

Segundo o boletim divulgado pela Sesa, são três casos em Curitiba, são dois homens de 20 e 41 anos e uma mulher de 51. Dois dos casos são de pessoas que voçtaram da França e a outra da Itália.

Os casos de Maringá são de uma mulher de 39 anos que retornou da Itália, e de um homem de 24 anos, com histórico de viagens recentes da Itália, Alemanha e França.

Em Cascavel o caso é de uma mulher de 39 anos, que viajou para Itália, Tailândia e Malásia. 

De Londrina, a análise é feita em uma paciente de 28 anos que voltou da Alemanha.

Todos os casos estão em análise.

Capital — A Secretaria Municipal de Saúde também divulgou novo boletim sobre a doença, mas com seis casos suspeitos, e não três como os dados da Sesa. Atualmente a SMS investiga seis casos, quatro deles são novos.

Dois dos quatro casos anunciados na última sexta-feira (27/2), em que as pessoas viajaram por regiões da Itália, país com grande circulação da doença, foram descartados por exames laboratoriais. Os outros dois seguem em investigação, são dois homens um de 41 anos e o outro de 42 anos.

Entre os novos casos uma jovem de 21 anos que também esteve em viagem na primeira quinzena de fevereiro para a Itália. Ela foi atendida por um serviço de saúde privado e segue em isolamento domiciliar voluntários, enquanto aguarda o resultado dos exames.

França
Nos outros três casos em investigação o destino de viagem foi a França, país que já tem registro de transmissão local. Entre eles um homem de 20 anos que foi atendido em serviço em serviço de saúde da rede privada. Uma mulher de 51 anos, também atendida na rede privada e uma mulher de 25 anos que buscou atendimento em hospital credenciado à rede pública de saúde. As três pessoas apresentaram sintomas semelhantes a uma gripe, como febre, tosse, coriza.

Em todos os casos suspeitos houve coleta de amostras para exames laboratoriais. Os materiais coletados foram encaminhados para o Laboratório Central do Estado do Paraná (Lacen) e a secretaria aguarda os resultados.

Atualmente as seis pessoas seguem em isolamento domiciliar voluntário. Em apenas um dos casos, o homem de 42 anos, houve necessidade de internamento por infecção pulmonar, mas ele já recebeu alta.

Atualmente a lista de países que são critérios para investigação como caso suspeito tem dezesseis países - China, Austrália, Coréia do Sul, Coréia do Norte, Camboja, Filipinas, Japão, Malásia, Vietnã, Singapura, Tailândia, Itália, Alemanha, França, Iran e Emirados Árabes Unidos.

Desde o início do ano, a Sesa já descartou ou excluiu nove casos suspeitos. O Paraná continua sem caso confirmado da doença. Os dois únicos casos positivos para coronavírus no Brasiol, até o momento, estão em São Paulo.

DESTAQUES DOS EDITORES

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições. OK