Publicidade

Um dos destaques contra o Santos, Fabrício Bruno espera por sequência no Cruzeiro

Um dos destaques do Cruzeiro na vitória sobre o Santos, domingo, o zagueiro Fabrício Bruno, de 23 anos, espera manter uma sequência na equipe, sem esquecer o respeito pelo titular Léo. O jogador é formado nas categorias de base do time mineiro.

"Todo jogador pensa em sequência, e eu não sou diferente. Venho trabalhando, respeitando todos os meus companheiros, o Léo principalmente, um cara que tenho enorme admiração. Acho que tudo é trabalhado, independentemente de quem o Rogério (Ceni, técnico) escolher para jogar, tenho certeza que todo mundo vai ficar feliz, todo mundo está aqui para ajudar o Cruzeiro e o Rogério da melhor maneira possível", disse o jogador, nesta terça-feira.

Fabrício Bruno lembrou o momento em que foi avisado pelo treinador de que iria atuar, pois Léo tinha um desgaste muscular. "Tive a confirmação no lanche que a gente tem no período noturno. Eu desci para o lanche, o Rogério sentou comigo, conversou, me perguntou se eu estava preparado e confiante, e eu disse que estava confiante para o jogo, que vinha trabalhando para isso. Creio que fiz o meu melhor e dei total respaldo para ele fazer uma avaliação sobre mim."

Autor de uma assistência para Thiago Neves no segundo gol da equipe sobre o Santos, Fabrício Bruno afirmou que procura aprimorar o passe desde os tempos de juvenil. "Na base eu fazia muito, até porque a gente pegava equipes, com todo respeito, inferiores, e a gente buscava propor o jogo. Quando fui para a Chapecoense foi até uma questão em que amadureci muito, e reconheço que quando saí daqui eu não tinha essa qualidade. Mas com a sequência de jogos que fiz lá, criei essa característica de achar passes. É uma coisa que o Rogério pede muito, o passe entre linhas, e assim foi no segundo gol, quando eu consegui achar o Pedro. Agora é continuar trabalhando para aprimorar e, quando tiver a oportunidade, seguir bem."

O técnico Rogério Ceni orienta treinamento para os jogadores nesta quarta-feira, a partir das 15h30, na Toca 2, como preparação para o jogo contra o CSA, no domingo, em Alagoas. Os zagueiros Dedé (cãibras) e Léo (dores musculares) não participaram das atividades de campo e serão reavaliados durante a semana.

O Cruzeiro é o 16º colocado no Brasileiro, com 14 pontos, apenas um à frente da Chapecoense, primeira equipe na zona de rebaixamento.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES