Publicidade
Coronavírus

Paraná Clube e Operário vão receber R$ 600 mil em plano de socorro da CBF

O presidente da CBF, Rogério Caboclo: socorro aos clubes
O presidente da CBF, Rogério Caboclo: socorro aos clubes (Foto: Divulgação/CBF/Lucas Figueiredo)

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) divulgou um plano para socorrer os clubes brasileiros no período de paralisação por conta do coronavírus. Os 20 clubes da Série B, entre eles o Paraná Clube e o Operário, vão receber R$ 600 mil cada. O dinheiro virá dos próprios cofres da CBF. No entanto, serão deduzidos posteriormente do total do contrato de televisionamento da Série B. Ou seja, funciona como antecipação.

Em 2019, a TV pagou R$ 6 milhões para cada clube da Série B pela transmissão. Em 2020, o valor pode chegar até R$ 8 milhões por equipe. O valor é igual para os 20 participantes.

A CBF antecipou esse valor para que os clubes não precisem demitir ou cortar salários no período sem competições, devido ao coronavírus. Na segunda-feira, a entidade divulgou um plano de socorro a clubes de outras divisões e do futebol feminino — clique aqui para ver.

Em 26 de março, os clubes da Série B se reuniram e decidiram dar férias de 20 dias a jogadores e funcionários. Também anunciaram a suspensão provisória no pagamento do direito de imagem, valor que pode representar até 40% da remuneração do atleta. E avisaram que vão reduzir os salários em 25% se as competições não retornarem após os 20 dias de férias. Clique aqui para ler mais.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES