Publicidade
Mercado da bola

Chileno aumenta lista de gringos que fracassaram no Paraná Clube

Alejandro Márquez
Alejandro Márquez (Foto: Divulgação/Paraná Clube/Rui Santos)

O volante chileno Alejandro Márquez, 27 anos, chegou ao Paraná Clube em janeiro, cedido por empréstimo pelo O´Higgins, do Chile. Durante o Campeonato Paranaense, só disputou duas partidas e não conseguiu se destacar. Com a chegada do técnico Matheus Costa para a Série B, o estrangeiro foi enviado para a equipe de aspirantes.

Márquez aumenta a lista de gringos que não conseguiram se firmar no Paraná Clube. Relembre os últimos estrangeiros que atuaram pelo clube e por onde andam:

RUBEN BENTANCOURT
Em 2017, o uruguaio chegou para reforçar o Paraná Clube no Campeonato Paranaense. Fez apenas quatro jogos, um pênalti sofrido e nenhum gol. Deixou o Brasil e, ainda em 2017, acertou com o Sud America, do Uruguai. Fez 10 gols em 17 jogos no clube uruguaio. Em 2018, teve uma temporada ruim (25 jogos e um gol) com o Santa Fe, da Colômbia. Agora com 26 anos, chegou ao Atlante, do México, em fevereiro e ainda não jogou como titular. Foram apenas quatro jogos como substituto e nenhum gol. No passado, porém, Bentancourt disputou o Mundial Sub-20 pelo Uruguai e acabou contratado pelo PSV, da Holanda.

GERALDO
O angolano Geraldo, 26 anos, chegou ao Paraná para a Série B de 2012, emprestado pelo Coritiba. Disputou 18 partidas (5 como titular), não fez gols e assistências e nem sofreu pênaltis. Retornou ao Coxa em seguida. De 2016 a 2018, defendeu o Primeiro de Agosto, de Angola. Foi contratado pelo Al-Ahly, do Egito, para 2019. Já tem três gols em 17 jogos pelo clube africano.

AYMEN SOUDA
O francês Aymen Souda, hoje com 26 anos, surgiu nas categorias de base do Nice, da França. Em 2011, decidiu terminar a formação nos juniores do Paraná Clube. Foi promovido ao profissional em 2012 e disputou apenas quatro jogos naquele ano – nenhum como titular e não fez gols. Em 2013, jogou a segunda divisão do Paranaense pelo Paraná, disputando 12 jogos (quatro como titular) e marcando três gols. Deixou o clube em 2014 e acertou com o Cádiz, da Espanha. Depois rodou por Étoile du Sahel e Kasserine, ambos da Tunísia. De 2015 a 2018, atuou em clubes pequenos do futebol da Bulgária, com pouco destaque (apenas 22 jogos e 3 gols). No final de 2018, teve passagem apagada pelo DC Karabukspor, da segunda divisão da Turquia. Depois acabou rebaixado para a segunda divisão da Romênia com o FC Dunarea Calarasi.

JAVIER MÉNDEZ
O volante uruguaio Javier Méndez, hoje com 36 anos, chegou ao Paraná no final da Série B de 2010. Disputou apenas três jogos naquele ano. Ficou para 2011 e participou do pior time da história do clube, responsável pelo rebaixamento no Campeonato Paranaense. Atuou em sete partidas daquela campanha pífia. Com ele de titular, a equipe nunca venceu - foram quatro derrotas e dois empates. Depois de deixar o Paraná, o volante rodou por JMalucelli, Cerrito (URU), Cerro Largo (URU), Rentistas (URU) e Progreso (URU).

YOHEI
O lateral-esquerdo japonês Yohei, hoje com 32 anos, decidiu se aventurar no futebol brasileiro em 2008. Rodou por Camboriú, Paranavaí, Serrano e Pato Branco. Em 2010, foi contratado pelo Paraná Clube para jogar o Paranaense. Disputou apenas duas partidas na competição e acabou deixando o clube. Depois rodou por Albirex Niigata (Japão), Ganju Iwate (Japão), Rangdajied (Índia), Gifu (Japão), Green Gully (Austrália) e Kauno Zalgiris (Lituânia). Seu último paradeiro registrado foi o Al Shabab, de Omã.

TORITO GONZÁLEZ
O volante/meia Jorge 'Torito' González, hoje com 31 anos, chegou ao Paraná Clube no início de 2018. Disputou 19 partidas naquele ano e não conseguiu se destacar no ano do rebaixamento para a segunda divisão nacional. Antes, o jogador foi reserva do Cerro Porteño por duas temporadas, em 2016 e 2017 — disputou apenas 21 jogos como titular em dois anos clube paraguaio. Hoje está sem clube.

MARCELO BAÉZ
O lateral-esquerdo/meia Marcelo Baéz, 28 anos, é outro paraguaio que participou do rebaixamento do Paraná para a Série B em 2018. Atuou apenas em dez jogos pelo clube paranaense no ano passado. Hoje é titular do Sportivo Luqueño, 5º colocado do campeonato paraguaio.

ORTIGOZA
O centroavante Ortigoza, 32 anos, fez apenas cinco jogos pelo Paraná Clube em 2018. Ele completa o trio de paraguaios que participou do rebaixamento para a Série B. Hoje é titular do Guaraní, 4º colocado do campeonato paraguaio. O jogador tem oito gols em 21 jogos na atual temporada.

ALGUM GRINGO TEVE BOM DESEMPENHO NO PARANÁ?
O único estrangeiro que conseguiu algum destaque positivo no Paraná Clube nos últimos anos foi o centroavante argentino J.J. Morales, hoje com 37 anos. Em 2013, disputou 35 jogos pelo clube paranaense (21 como titular) e marcou oito gols. Depois, rodou por Huachipato (CHI), Mineros (VEN), All Boys (ARG) e Terengganu (MAL). Em 2017, acertou com um clube da terceira divisão da Argentina. Seu último paradeiro registrado foi o Deportivo Rincon, da quarta divisão da Argentina.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES